Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

Tomada de Lisboa recriada

O 861º aniversário da Conquista de Lisboa foi ontem assinalado no Castelo de S. Jorge, com ‘D. Afonso Henriques’ e o ‘alcaide mouro’ da cidade a contarem a miúdos e graúdos a história do cerco e da vitória do rei de Portugal.

26 de Outubro de 2008 às 00:30
Actores contaram as versões cristã e moura daquilo que aconteceu
Actores contaram as versões cristã e moura daquilo que aconteceu FOTO: Andre Kosters, Lusa

Quem visitou o castelo pôde assistir a duas representações históricas pelo ponto de vista de cada um dos protagonistas – a barbárie dos cristãos durante o saque à cidade contada pelo mouro, por um lado, e a justiça da conquista pela voz de D. Afonso Henriques.

No final, os participantes na ‘batalha’ pela conquista de Lisboa encontraram-se e confrontaram-se, trocando argumentos e interagindo com os visitantes, dizendo-lhes o que realmente aconteceu a 25 de Outubro de 1147.

Abertas as portas, o séquito de D. Afonso Henriques, incluindo cruzados, entrou na cidade entoando o ‘Te Deum Laudamus’, e ergueu o estandarte cristão, em sinal de vitória.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)