Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

VETERANOS FACTURAM MILHÕES EM 2002

Paul McCartney foi o artista que mais lucrou em 2002, facturando 126 milhões de euros em receitas de concertos. Quem o garante é a revista “Billboard”, que contabilizou apenas os ganhos relativos aos 58 concertos que o ex-beatle deu este ano.
28 de Dezembro de 2002 às 00:00
No que concerne a espectáculos, 2002 foi, curiosamente, dominado pelos veteranos. Logo atrás de McCartney surgem os Rolling Stones, cuja digressão rendeu 90 milhões de euros.

O terceiro lugar na tabela é ocupado por outro nome cujo início da carreira remonta aos anos 60, Cher, que obteve 68 milhões de euros com os espectáculos da digressão “Farewell”.

Billy Joel e Elton John figuram em quarto lugar “ex-eaquo”, ambos com lucros estimados em 66 milhões de euros.

A única banda dos anos 90 a figurar no “top five” é a Dave Mathews Band, que conseguiu 52,7 milhões de euros. Perto ficou outro veterano (Neil Diamond), com 52,3 milhões de euros.

Apesar dos altos e baixos que a carreira de Britney Spears conheceu este ano, a cantora detem ainda uma das digressões mais rentáveis da indústria, contabilizando 43,7 milhões de euros.

Nos primeiros lugares da tabela figuram ainda os Aerosmith (39 milhões), Creed (37,1 milhões), Crosby, Stills, Nash & Young (35,01 milhões), e os Eagles (34,9 milhões).
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)