Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

YOKO ONO ADMITE LIBERTAR CANÇÕES INÉDITAS DE LENNON

Yoko Ono, a viúva de John Lennon, admitiu a possibilidade de vir a publicar canções inéditas do ex-Beatles, referiu a própria em declarações à revista alemã "Stern".
19 de Junho de 2003 às 00:00
"Tenho de aguardar pelo momento certo", disse Yono Ono, justificando a decisão com o facto de Lennon ser um compositor. "Ele desejaria que as canções fossem apresentadas de forma correcta. tenho de pensar nisso".
Na mesma entrevista, Ono, de 70 anos, adiantou que "algumas das suas canções, que registou em cassete, não devem ser publicadas tal e qual" se encontram.
Yoko Ono referiu-se ainda à decisão de Paul McCartney assinar no seu mais recente álbum algumas músicas dos Beatles com "McCartney-Lennon" e não como "Lennon-McCartney".
"Não tenho nada contra o Paul. Certamente ele também não terá grande coisa contra mim. Fazemos negócios juntos e por vezes apenas temos uma opinião diferente", prosseguiu.
John Lennon foi assassinado a 8 de Dezembro de 1980 perto da sua casa em Nova Iorque.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)