Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Adiamento das eleições do Benfica devido à Covid-19 é decidido hoje

Presidente da Mesa da Assembleia-Geral convocou os quatro candidatos.
Correio da Manhã 23 de Outubro de 2020 às 08:34
Eleições do Benfica
Eleições do Benfica FOTO: Bruno Pires
O presidente da Mesa da Assembleia-Geral do Benfica vai reunir-se esta sexta-feira com os quatro candidatos à presidência do clube, estando em causa o adiamento das eleições agendadas para a próxima sexta-feira, altura em que vigorará a proibição de circulação de pessoas entre concelhos, decretou o Governo.

A decisão do Conselho de Ministros, que se prende com a pandemia de Covid-19, ocorrerá entre os dias 30 de outubro e 3 de novembro, colide diretamente com a data de realização das eleições do Benfica. A reunião, sabe o CM, está agendada para as 15h00 e visa a “análise da situação”.

O candidato Noronha Lopes foi a primeiro a reagir e admitiu mesmo o “adiamento das eleições”. Em comunicado, sugeriu ainda que, a haver uma nova data do sufrágio, se escolha um sábado, permitindo aos sócios “conciliarem a vida profissional com a disponibilidade necessária para o voto ao longo do dia”.

Concorrem às eleições dos encarnados Luís Filipe Vieira (Lista A), Noronha Lopes (lista B), Luís Miguel David que substituiu Bruno Costa Carvalho (lista C) e Rui Gomes da Silva (lista D).

Bruno c. carvalho passa a ‘vice’
Bruno Costa Carvalho foi substituído na liderança da lista C, por Luís Miguel David, por não cumprir o requisito de ser sócio efetivo há 25 anos. O candidato às eleições de 2009 passa agora a vice-presidente.

Estatutos obrigam a sufrágio em outubro
Os estatutos do Benfica obrigam à realização de eleições entre os dias 24 e 31 de outubro. Perante esta situação da pandemia, o ato eleitoral poderá passar para o dia 6 de novembro (sexta-feira).
Ver comentários