Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Despedimento coletivo no Sporting: 14 funcionários da SAD e seis do clube

Entre os funcionários despedidos estão administrativos e pessoal de apoio.
Diogo Carreira 13 de Janeiro de 2021 às 14:55
Estádio de Alvalade
Estádio de Alvalade
O Sporting vai despedir 20 funcionários, 14 pertencem à SAD e seis são funcionários do clube. 
Ao que o CM apurou, entre os funcionários despedidos estão administrativos e pessoal de apoio, que foram chamados para reunião, esta quarta-feira, onde lhes foi comunicado o despedimento. 

Entre os despedidos estão Paulo Cintrão, do departamento de comunicação; Rosa Duarte, secretária do presidente com 35 anos de casa; Carla Quinaz, mulher de Miguel Albuquerque; José Quezada, responsável departamento de sócios; Carmo Tavares, secretária e ex-atleta campeã nacional; e André Leitão, do gabinete de apoio às modalidades.

Fonte ligada ao processo confirmou à Lusa que este processo de despedimento é uma consequência direta da pandemia de covid-19, nomeadamente, devido à quebra de receitas, e, sem afetar jogadores ou treinadores, visa todas as áreas do clube e da SAD.

Entre 16 de abril e 15 de junho, então em consequência da suspensão das atividades desportivas devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, 95% dos funcionários do "universo leonino", ou seja, incluindo clube e SAD, estiveram em 'layoff'.
Sporting SAD futebol
Ver comentários