Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Alonso teve atitude triste

Willi Weber, empresário de Michael Schumacher, respondeu ontem às recentes declarações de Fernando Alonso, nas quais salientava que o alemão era o piloto mais antidesportivo da história da Fórmula 1.
14 de Setembro de 2006 às 00:00
O jornal alemão ‘Bild’ publicou declarações de Willi Weber dizendo que os comentários do espanhol à Radio Marca eram um “insulto inacreditável, totalmente baixos”.
“Considero Alonso um piloto brilhante, mas o seu comportamento foi muito triste. Michael vai dar uma boa resposta na pista”, disse Weber. A troca de acusações garante um final de temporada ainda mais emocionante, com Alonso dois pontos à frente de Schumacher, quando faltam três corridas pra o final da temporada.
HIPÓTESE RENAULT
O responsável pela organização da Fórmula 1, o inglês Bernie Ecclestone, disse ontem que a decisão de Schumacher em abandonar a modalidade ainda não é definitiva e que o piloto poderia continuar na categoria no próximo ano. Ecclestone ainda sugeriu que a Renault contratasse o alemão para o lugar do espanhol Fernando Alonso, que vai correr em 2007 pela McLaren.
“Tenho a certeza de que a Renault aceitaria o alemão de imediato. Só depende do Schumacher. Tenho a nítida sensação de que a decisão sobre o seu abandono no final da temporada foi tomada num momento em que ele não estava preparado”, explicou o inglês ao jornal alemão ‘Sport Bild’.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)