Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

André Gomes: "Inspiro-me em Aimar e Rui Costa"

André Gomes é a nova coqueluche do Benfica. Diz estar a viver um sonho, depois de Jorge Jesus ter apostado nele e de marcar dois golos nos dois primeiros jogos com a camisola da equipa principal das águias
3 de Novembro de 2012 às 15:00
André Gomes
André Gomes FOTO: d.r.

Correio Sport - O que sentiu quando entrou em campo pela primeira vez com a camisola da equipa principal do Benfica?

André Gomes - Um orgulho enorme. Foi o concretizar de um sonho, mas sei que ainda tenho muito trabalho pela frente e que só com humildade poderei continuar a evoluir. Numa altura tão importante da minha carreira, pensei na família e nas pessoas que me ajudaram a chegar aqui.

- E quando marcou o primeiro golo para a Taça de Portugal, na vitória (4-0) diante do Freamunde?

- Foi indescritível. Só me apetecia abraçar toda a gente que me ajudou a chegar aqui. E todas as pessoas, colegas, treinadores e dirigentes, que estão comigo.

- Qual é a posição onde se sente mais à vontade no campo?

- Estou inserido num grupo de grande qualidade, o que me permite evoluir como jogador, independentemente da posição. O que quero é ajudar a equipa, seja em que posição for. Isso fica ao critério de quem tem de decidir.

- O que lhe disse Jorge Jesus quando foi convocado pela primeira vez?

- O que tinha de fazer e o que esperava de mim em campo. O míster tem-me ajudado muito a evoluir enquanto jogador e homem, transmitindo-me sempre palavras de confiança.

- Quem foi o jogador do Benfica com quem mais falou quando integrou os trabalhos da equipa principal?

- Este é um plantel com enorme qualidade do ponto de vista futebolístico, mas também humano. Por isso tive uma integração fácil. Os meus colegas dão conselhos importantes e sinto-me um privilegiado por poder aprender com atletas de eleição como Luisão, Maxi Pereira, Aimar ou Cardozo. Temos um grupo fantástico.

- O que dizem os pessoas na rua, agora que é conhecido?

- [risos] Eu não sou conhecido. O Benfica é que é. As pessoas têm sido muito simpáticas comigo e faço questão de retribuir.




- Que diferenças sentiu entre a equipa B e a principal?

- Poucas. O acompanhamento interno, na equipa B, permite ter a noção das exigências e responsabilidades de servir um clube como o Benfica. O trabalho é acompanhado pelos responsáveis do clube, o que facilitou muito a transição.

- Como se define como jogador?

- Sou um médio que trabalha em prol da equipa e mais um operário que gosta do que faz. Sinto-me um privilegiado por poder vestir esta camisola.

- Quem são as suas referência, nacionais e internacionais?

- Tenho várias referências e seguramente serei injusto porque posso falhar algumas. No entanto, é evidente que me inspiro em Aimar e Rui Costa. Lá fora, Alonso, Xavi e Iniesta são grandes jogadores e fontes de inspiração.

- Jorge Jesus é conhecido por ser um treinador exigente. Como tem sido consigo?

- Ninguém aprende sem ter alguém exigente a seu lado. Tenho aprendido muito com o míster Jorge Jesus, um treinador que vive para a equipa. É um apaixonado por futebol e ajuda todos os jogadores a evoluírem.

- Quais os principais conselhos que Jesus já lhe deu?

- Que continue a evoluir, a aprender e a ouvir os jogadores mais experientes. Para não me acomodar. É isso que pretendo fazer.

- E Luís Filipe Vieira já lhe disse alguma coisa?

- Disse-me que acompanha o trabalho de todos os jovens jogadores. É um orgulho enorme ter Luís Filipe Vieira como presidente. Está sempre próximo da equipa, transmitindo uma enorme confiança e apoio.

- Já há quem diga que poderá vir a ser o novo Rui Costa...

- É preciso dar um passo de cada vez. Estou feliz pelo que já alcancei e acho que é preciso ter sempre os pés bem assentes na terra.


- Já se sente adaptado à equipa principal ou ainda está em fase de integração?

- A interligação que existe entre as equipas A e B permite que a adaptação seja fácil. Mas tenho muito para aprender e evoluir.

- É internacional sub-19, mas na selecção principal há poucos médios com as suas características. Sente-se com capacidade para jogar na equipa de Paulo Bento?

- As minhas prioridades são continuar a evoluir, poder continuar a representar o Benfica e manter-me nas opções do seleccionador nacional no meu escalão. Só posso pensar em representar a selecção principal se continuar a ser competente e profissional na minha evolução.

- O que é que mudou na sua vida desde que começou a jogar na equipa principal?

- Poucas coisas, porque tenho a noção perfeita de que estou no começo da minha carreira.

- Foi formado nas escolas do FC Porto. Como comenta que se tenha afirmado no Benfica?

- Para mim, o que conta é o presente, e por isso só tenho de agradecer aos responsáveis do Benfica por terem apostado em mim. O passado já não conta!

- Já sabe quem o aconselhou ao Benfica quando estava no Boavista?

- Sei apenas que a prospecção do Benfica deu indicações positivas sobre mim.

- Sente que poderá ser o sucessor natural de Aimar na equipa do Benfica?

- Aimar é único, como foi Rui Costa e tantos outros. Não se trata de ser sucessor de alguém, apenas de trabalhar diariamente para poder ajudar a equipa.

- O Mundial 2014 no Brasil é um sonho concretizável?

- Para qualquer jogador, poder estar no Mundial é sempre um sonho. Mas antes há que trabalhar duro no clube. Se não provar no Benfica as minhas capacidades, garantidamente não poderei concretizar esse sonho.

PERFIL

ANDRÉ Filipe Tavares GOMES nasceu no Porto, no dia 30 de Julho de 1993 (19 anos). Formou-se nas escolas do FC Porto, de onde saiu em 2008. Jogou a seguir durante um ano na equipa de juniores do Pasteleira e, na temporada seguinte, ingressou, ainda com idade de júnior, no Boavista. Em 2011, saiu do Bessa para ingressar no Benfica, que para tanto pagou 50 mil euros ao clube axadrezado. Assinou por três épocas, até 2012, com um salário mensal de três mil euros. Em Junho, renovou contrato até 2018 e começou a época a jogar na equipa B. Estreou-se contra o Freamunde(Taça de Portugal) e jogou depois contra o Gil Vicente (Liga). Em ambos os jogos marcou um golo.

André Gomes Aimar Rui Costa Benfica Entrevista
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)