Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Apelos de Vieira galvanizam plantel

Luís Filipe Vieira reuniu o plantel na véspera do jogo com o Sp. Braga e lançou um dramático apelo aos jogadores para ultrapassarem a 4ª ronda da Taça de Portugal e regressarem ao trilho das vitórias.
14 de Dezembro de 2010 às 00:30
Palavras de Vieira tiveram grande impacto nos jogadores, que corresponderam com uma vitória (2-0)
Palavras de Vieira tiveram grande impacto nos jogadores, que corresponderam com uma vitória (2-0) FOTO: Manuel Araújo/Record

Segundo apurou o CM, o presidente do clube reforçou o apoio da SAD em tudo o que seja necessário para o bem da equipa, lembrou esforços feitos até agora e pediu, em troca, que os jogadores honrassem a camisola.

As palavras do presidente causaram forte impacto no seio do grupo, que transformou o encontro com os minhotos numa questão de honra. A vitória de domingo (2-0) acabou por garantir aos encarnados a passagem aos ‘oitavos’ da Taça de Portugal. O efeito do discurso foi tão eficaz que os atletas assumiram o compromisso de tudo fazer para a equipa chegar ao Jamor e erguer a Taça. A ideia, segundo uma fonte contou ao CM, é dedicar o troféu ao líder do clube.

Os dias que antecederam o embate com os bracarenses foram rodeados de muita tensão, e também Jorge Jesus teve uma conversa com os jogadores, pedindo união para o que resta da época e exortando os jogadores a lutarem contra as adversidades. Ignorar notícias ‘desestabilizadoras’ vindas do exterior foi um dos focos nas conversas que presidente e treinador mantiveram com os jogadores.

Tanto Luís Filipe Vieira como o técnico Jorge Jesus negaram ainda ser intenção do clube contratar um número elevado de jogadores na reabertura do mercado em Janeiro e dispensar alguns dos seus integrantes, admitindo apenas poder fazer-se um "reajustamento".

JULGAMENTO DE MIGUEL SUSPENSO

A audiência do julgamento que opõe o lateral Miguel ao Benfica, pela alegada rescisão unilateral do contrato com o clube, foi ontem suspensa por dez dias para permitir que as partes tentem chegar a um consenso.

Miguel, de 30 anos, rescindiu o contrato com as águias em Agosto de 2005 para se transferir para o Valência por 7,5 milhões de euros, mas a Benfica SAD considerou que o jogador quebrou o vínculo contratual. Enquanto o Benfica reclama na acção uma indemnização de sete milhões de euros ao jogador, a Benfica SAD pede cinco milhões ao seu empresário, Paulo Barbosa, por ‘solidariedade’. Por sua vez, Miguel reclama o pagamento de três milhões, por salários em atraso e percentagem na transferência do clube da Luz para Valência.

"JAVI QUER FICAR NO BENFICA"

"Javi García não sai do Benfica em Janeiro." A garantia foi dada ontem por Manuel García Quillom, empresário do jogador espanhol.

"Ele sente-se bem, está feliz e está a trabalhar bem. A equipa em geral não está bem, mas o Javi sabe que tem de continuar a trabalhar. A única forma de mudar as coisas é jogar e jogar bem. Ele quer ficar no Benfica", referiu ontem o agente em declarações à Rádio Renascença.

Em relação a uma possível transferência para os italianos do Inter de Milão, o empresário considerou improvável, porque apesar do interesse demonstrado, "ainda não houve contactos".

O técnico espanhol Rafael Benítez terá pedido o médio do Benfica, de 23 anos, ao presidente dos nerazzurri, Massimo Moratti. Javi García (ex-Real Madrid) tem contrato com os encarnados por mais três temporadas e meia, ou seja, até Junho de 2014, com uma cláusula de rescisão na ordem dos 30 milhões de euros.

JESUS BENFICA PLANTEL TAÇA DE PORTUGAL LUÍS FILIPE VIEIRA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)