Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Árbitro do dérbi de hoje ouvido na Liga

Paulo Costa e Jorge Sousa foram chamados ontem à Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) para defender o Boavista. Os árbitros, que saíram pelas traseiras, foram convocados como testemunhas no ‘Apito Final’, depois de os axadrezados já terem requerido o depoimento de Valentim Loureiro, ouvido anteontem.
16 de Abril de 2008 às 00:30
Jorge Sousa dirige hoje o Sporting-Benfica em Alvalade
Jorge Sousa dirige hoje o Sporting-Benfica em Alvalade FOTO: Jorge Paula

Paulo Costa foi interrogado sobre um alegado contacto feito por Carlos Pinto, secretário da Liga, a pedido de João Loureiro. Nas escutas, o então líder do Boavista pedira àquele dirigente que abordasse o árbitro antes de um jogo importante, o que Paulo Costa garante não ter acontecido.

Jorge Sousa, que apita o Sporting--Benfica de hoje (ver páginas 10 e 11), é outro dos árbitros envolvidos, no caso do jogo Boavista-Académica, no qual o auxiliar Paulo Januário afirmou ter sido pressionado por Valentim Loureiro, que o terá ameaçado de perder o estatuto de internacional. Januário foi ouvido apenas na fase do inquérito conduzido por Renato Dias dos Santos, instrutor do ‘Apito Final’.

Além dos árbitros, foram também ouvidos como testemunhas de defesa Lourenço Pinto, advogado e líder da Associação Futebol do Porto, Vítor Pereira, presidente da Comissão de Arbitragem da Liga, e o observador AdelinoAntunes.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)