Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Atitude como se fosse um jogo para o Mundial

No dia em que divulgou a convocatória para os jogos com o Canadá e Eslováquia Scolari avisou que só quer na selecção jogadores com atitude e que “ponham o pé”. E ontem o seleccionador voltou a insistir no tema, pedindo aos atletas que encarem o encontro particular de hoje (20h30) com os canadianos com carácter e como se se tratasse de uma partida para o Mundial’2006.
26 de Março de 2005 às 00:00
“Tenho visto algumas coisas em jogos particulares que não gosto. Por isso, já dei o recado aos atletas e disse que quero que enfrentem o adversário e tenham uma atitude como se fosse um jogo para o Mundial. O que peço é que os jogadores se superem, caso contrário correremos grandes riscos.”
Pedindo maior colaboração aos clubes, o seleccionador explicou a razão do particular de hoje, dias antes de um embate de apuramento para o Mundial. “O jogo com o Canadá é um subterfúgio para trazer os jogadores, pelo que o objectivo é trazer os jogadores antecipadamente para ter sete ou oito dias com eles. Caso não tivéssemos este encontro não teria os atletas tantos dias ao meu serviço. Agora é preciso maior colaboração de todos. Só temos intenção de ajudar e os clubes podiam pensar que queremos o bem dos atletas em primeiro lugar”, salientou o técnico, que diz conhecer bem a Eslováquia. “Tenho todas as informações sobre o adversário, pois já vi vários vídeos e temos conversado muito. Espero que os jogadores estejam cientes das dificuldades que vamos enfrentar. É um jogo que pode decidir muita coisa”.
COSTINHA POUPADO
Mas antes do encontro com a Eslováquia, há o jogo de hoje com o Canadá. Alguns jogadores não estão nas melhores condições físicas e vão mesmo ser poupados pelo técnico: “O Costinha ainda não está em condições e não queremos correr riscos. O Maniche voltou aos treinos e vamos ver como reage. Em conjunto com o médico, veremos como se sente e se é indicado colocá-lo a jogar”, explicou, sublinhando, mais uma vez, que na selecção preocupam-se tanto como nos clubes com o estado físico dos atletas.
“Qualquer jogador que se apresente aqui com dificuldades, nós temos cuidado e vamos com calma... E temos o exemplo do Simão, do Costinha e do Maniche, que têm sido poupados”.
Perante as limitações de Costinha e Maniche, Manuel Fernandes deverá ser titular no meio-campo.
NUNO GOMES ADMITE POUPANÇAS
O avançado Nuno Gomes admitiu ontem que no passado houve ‘poupanças’ quando os jogadores vinham à selecção, reconhecendo que a atitude dos atletas nem sempre era a mesma. “Os jogadores traziam recomendações dos clubes para não se magoarem, algo que acontece não só em Portugal mas também em todo o mundo. Agora nós quando vimos à Selecção sabemos que temos de meter o pé. Aliás quando entramos em campo não podemos pensar que não o vamos fazer.
Estamos aqui de alma e coração”, afirmou o jogador, acrescentando: “Num período, de facto, as vindas à selecção serviam para os jogadores descansarem, entre aspas, para depois estarem a cem por cento nos clubes”.
Essa não é a realidade de agora, garante Nuno Gomes, que está concentrado no encontro particular de hoje com o Canadá e na partida de qualificação para o Mundial, quarta-feira frente à Eslováquia.
“Temos vindo a tentar mudar a nossa atitude em relação aos particulares, a não encará-los como antes e o embate com o Canadá será encarado da mesma forma que o da Eslováquia. Vamos entrar com a mesma vontade de jogar bem e conseguir um bom resultado”, assegurou.
BREVES DAS QUINAS
DÚVIDAS NA ESQUERDA
Permanecem ainda algumas dúvidas quanto ao jogador que vai actuar hoje no lado esquerdo da defesa. Paulo Ferreira e Nuno Valente são os candidatos e só mesmo à hora do jogo essa dúvida ficará desfeita. Num ‘onze’ que vai servir para ensaiar a estratégia do jogo com a Eslováquia, Scolari vai apenas proceder a “duas ou três alterações”, sendo certo que Costinha é uma delas.
O 'ONZE' DE SCOLARI
Eis então a equipa que Scolari deverá apresentar hoje frente ao Canadá: Ricardo, Miguel, Jorge Andrade, Ricardo Carvalho e Nuno Valente; Maniche (Fernando Meira), Manuel Fernandes e Deco; Simão, Cristiano Ronaldo e Pauleta.
LOTAÇÃO POR ESGOTAR
Ainda não estão esgotados os bilhetes para o jogo de hoje e há muitos bilhetes para vender. Ainda assim, a FPF espera uma boa casa, até porque o bom português compra o bilhete em cima da hora do jogo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)