Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

“Autocarro? Só o que leva a equipa”

Objectivo: pontuar. Augusto Inácio, treinador da Naval 1º de Maio, não esconde que o empate na visita de hoje (20h15, Sport TV1) ao FC Porto será um "bom resultado", mas nega que a estratégia passe por uma postura unicamente defensiva, ou seja, por colocar o ‘autocarro’ à frente da baliza.
7 de Fevereiro de 2010 às 00:30
Augusto Inácio está optimista
Augusto Inácio está optimista FOTO: Paulo Novais/Lusa

"Autocarro? Só o que transporta a equipa. É bom que se compreenda que somos uma equipa que tenta ser equilibrada o mais possível, com boa organização defensiva. Não temos hipótese de defrontar o FC Porto olhos nos olhos, mas não desistimos de nada", exclamou o técnico, que até acredita na vitória frente ao "melhor FC Porto da época".

Forte revés para Augusto Inácio é a ausência de Marinho, lesionado. Também fora da lista ficou o melhor marcador da equipa, Kerrouche, por opção, segundo o clube navalista. A partida no Dragão marca a estreia do médio Giuliano, ex-Campinense.

Ver comentários