Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Barcelona quer Pepe

Pepe volta a ser apontado como possível reforço do Barcelona. O central do FC Porto, que dentro de dias deixa de ter estatuto extracomunitário, faz parte de uma lista de possíveis reforços do Barça para o seu eixo defensivo.
5 de Julho de 2007 às 00:00
O FC Porto não deixa sair Pepe por menos de 20 milhões de euros
O FC Porto não deixa sair Pepe por menos de 20 milhões de euros FOTO: Luís Vieira/Record
O emblema catalão está a denotar dificuldades em contratar o argentino Gabriel Milito (Saragoça), bem como o romeno Christian Chivu (AS Roma), pelo que agora está a virar-se para as alternativas.
E no topo das preferências do Barcelona surge agora o nome de Pepe, que juntamente com o português Jorge Andrade, do Deportivo da Corunha, e o argentino Gabriel Heinze (Manchester United), se apresentam como possíveis soluções para Frank Rijkaard.
Ainda de acordo com o jornal ‘Sport’, o clube dirigido por Juan Laporta tem como principal adversário ao concurso de Pepe os italianos da Juventus. O Barça também já sabe qual o valor de mercado pretendido pelo FC Porto, que não está na disposição de abrir mão do central brasileiro por menos de 20 milhões de euros.
QUARESMA VALORIZADO
Entretanto, o Atlético de Madrid não desiste de Quaresma e tem de subir a parada, de 22 milhões de euros, para garantir o extremo portista.
Em Dezembro passado, os ‘colchoneros’ estiveram muito perto de garantir o ‘Harry Potter’, por 14 milhões de euros. Na ocasião, o FC Porto fez questão de manter o jogador nos seus quadros, porque tinha pela frente os oitavos-de-final da Liga dos Campeões.
As exibições frente ao Chelsea e o golo na selecção frente à Bélgica fizeram subir a cotação do jogador. Os próximos dias poderão ser decisivos para o futuro de Quaresma, que ainda há bem pouco tempo reforçou o seu fascínio pelo futebol espanhol.
'EDGOL' REFORÇA TREINO PORTISTA
Edgar integrou ontem pela primeira vez os trabalhos do plantel do FC Porto. Ao segundo dia de treinos, o ex-aveirense ‘Edgol’ marcou presença na sessão dirigida por Jesualdo Ferreira no Centro de Estágio de Olival-Crestuma, num treino também marcado pela presença do brasileiro Jorginho. Tal como o compatriota Edgar, Jorginho havia falhado a presença no dia anterior, mas já ontem foi sujeito a ‘trabalhos forçados’ na primeira sessão a doer dos bicampeões nacionais. A equipa técnica dividiu os atletas disponíveis em dois grupos de trabalho, submetendo os jogadores a treino físico no ginásio e treino com bola num dos relvados do centro de estágio. A tarde foi complementada com exames médicos.
Ver comentários