Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Beira-Mar indignado com árbitro

José Cahide, responsável pelo departamento de futebol aveirense, solicitou à Liga o envio do relatório do árbitro Paulo Pereira, equacionando a possibilidade de expor às altas instâncias do futebol o seu desagrado pela forma como as arbitragens têm sido influentes nos desfechos dos jogos.
6 de Março de 2007 às 00:00
“Dá a impressão de que o Beira-Mar é um alvo a abater. O que se passou neste jogo com a Naval é de deitar as mãos à cabeça. Como é possível que o árbitro, estando praticamente a meio-campo, sancione uma grande penalidade inexistente, quando o árbitro assistente bem posicionado nada tinha assinalado?”, contestou Cachide. “O sr. Paulo Pereira matou o jogo de uma forma trágica. Estamos indignados e sentimo-nos impotentes para fazer o que quer que seja. Todavia não vamos baixar os braços, apesar do ciclo difícil que temos pela frente”, analisou. C.O.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)