Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Belém luta pelo apuramento

Guardião da equipa do Restelo deu golo a Tavares e Hugo Miguel validou tento irregular.
17 de Janeiro de 2014 às 15:15
Veloso não afastou a bola e permitiu o golo dos canarinhos
Veloso não afastou a bola e permitiu o golo dos canarinhos FOTO: Pedro Simões

Estoril e Belenenses empataram ontem (1-1) na Amoreira, um resultado que ainda permite à equipa do Restelo disputar o apuramento no Grupo C da Taça da Liga com o líder Sp. Braga.

Os canarinhos não conseguiram disfarçar as carências ofensivas com a perda de Luís Leal para o Al-Ahly e Marco Silva entregou o ataque à velocidade de Balboa e Gerso.

Após um início de jogo equilibrado, com as equipas mais preocupadas em não cometer erros defensivos, foi precisamente uma falha de Veloso a fazer e diferença. O guardião do Restelo tentou socar a bola, após canto de Babanco, mas acertou mal e o esférico sobrou para Yohan Tavares. O defesa-central não desperdiçou a oportunidade (35') e fez o 1-0.

No segundo tempo, Marco Paulo fez entrar os habituais titulares João Pedro e Fredy e nunca deixou de acreditar na possibilidade de chegar, pelo menos, ao empate. Contudo, faltava arte na altura de servir o estreante Linz, que lutou muito na frente.

Porém, o esforço do Belenenses, que jogou de cor de laranja, acabou por ser recompensado com o empate (58'). Kaka na esquerda cruzou para Kay, que ao segundo poste, e em fora de jogo, fez o 1-1.

Após o empate, Marco Silva ainda reagiu fazendo entrar Carlitos, Evandro e Sebá. No entanto, faltou inspiração de ambos os lados para marcar.

taca da liga belém estoril
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)