Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Belenenses sai do sufoco

O Belenenses venceu ontem a Naval por 1-0, com um golo de Rodrigo António de grande penalidade, num jogo que os figueirenses terminaram reduzidos a nove. Com este resultado, os lisboetas subiram ao 11º lugar, com 30 pontos, enquanto a Naval – no quarto posto, a 12 pontos do líder Estoril – hipotecou praticamente as hipóteses de subida.

2 de Abril de 2012 às 01:00
Duarte Machado em disputa com o figueirense Zé Rui (dir.)
Duarte Machado em disputa com o figueirense Zé Rui (dir.) FOTO: Bruno Pires

Após uma primeira parte fastidiosa, em que as duas equipas aparentavam alguma aversão pelas balizas, no segundo tempo as incidências – como as duas expulsões e o golo – conferiram mais emoção ao jogo.

O Belenenses só chegou ao golo aos 66’, quando Rodrigo António marcou com êxito uma grande penalidade, que castigava um derrube de Delson a Varela. Três minutos depois, novo revés para os da casa com Carlitos a derrubar Varela sobre a linha de grande área.

O árbitro Marco Ferreira assinalou a infracção e puniu o capitão da Naval com um cartão vermelho directo.

Quando a partida atingiu o minuto 85, a Naval ficou reduzida a nove, por expulsão de Rogério Conceição, que derrubou Rodrigo António, destroçando a ambição dos figueirenses chegarem, pelo menos, ao empate, numa altura em que até estavam por cima das operações.

BELENENSES HONRA NAVAL
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)