Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Benfica e Petro acertaram Job

Benfica e Petro de Luanda já chegaram a acordo para a transferência do extremo Job para o clube da Luz, a partir da próxima época. Segundo apurou o CM junto de fonte próxima do processo, o acordo ficou selado entre Luís Filipe Vieira e o seu homólogo do Petro, Cardoso Pereira, no último domingo, em Luanda.
21 de Janeiro de 2010 às 00:30
Job tem 22 anos e joga a extremo esquerdo
Job tem 22 anos e joga a extremo esquerdo FOTO: direitos reservados

Falta ainda o acordo com Job, mas fonte próxima do jogador assegurou ao CM que isso só não aconteceu porque o jogador está ao serviço da selecção angolana, na CAN 2010. Prova disso foi o entusiasmo revelado, ontem, em Luanda pelo jogador: "Oficialmente, não sei de nada, mas se for convidado, no mesmo dia vou descalço e sem camisa."

O angolano contou ainda como foi o seu encontro com Vieira, em Luanda: "Deu-me uma palmadinha nas costas e disse-me que eu era bom jogador."

Job, de 22 anos, deverá assinar com as águias por 3 épocas, ficando o clube português com mais uma de opção. Esquerdino de natureza, pode também actuar atrás do ponta-de-lança e actualmente é de longe o jogador mais popular em Angola, superando, inclusive, Mantorras. Luís Filipe Vieira já não assistiu ao jogo dos Palancas Negras com a Argélia (o-o), mas teria ficado impressionado com o nível dos decibéis, quando Job entrou no relvado aos 64 minutos. A aposta no extremo foi também feita a pensar num substituto para Angel Di María, que irá ser transferido para outro clube no final da época. O contrato de Job com o Petro expirava em Dezembro próximo.

JOVENS CARENCIADOS

Apoiar crianças e jovens necessitados está na base do ‘protocolo de associação’ que a Fundação Benfica e o Finibanco assinaram ontem, à tarde, no camarote presidencial da Luz. Na presença de Luís Filipe Vieira, o presidente da Fundação Benfica, Carlos Móia, destacou "o papel que a instituição tem realizado na prevenção do abandono escolar, toxicodependência e em proporcionar cuidados de saúde aos mais necessitados" e apontou o o clube e a Fundação como "motores" de desafios de natureza social.

Por sua vez, o presidente do Finibanco, Humberto Leite justificou o o envolvimento no projecto por ser " interessante e bem estruturado", e admitiu que o apoio será dado em dinheiro. Contudo, preferiu não divulgar as verbas, lembrando apenas que "a Fundação Benfica é muito mais do que futebol".

APONTAMENTOS

"JESUS VIVE O FUTEBOL"

"Jesus vive para o futebol. Está sempre a pensar nisso e não descansa um minuto. Estamos sempre a pensar como é possível melhorar. Nada mais importante para um jogador do que chegar a uma equipa e ser acarinhado pelos adeptos", afirmou Javi García à agência EFE.

FELLIPE BASTOS NO ‘GALO’

Fellipe Bastos já trabalha com o plantel do Atlético Mineiro, clube de onde veio Éder Luís. O ‘galo’ preferia Felipe Menezes, mas Jorge Jesus não quis deixar sair o médio ofensivo, contratado ao Goiás no início da época. Fellipe Bastos já esteve emprestado esta época ao Belenenses.

MÍGUEL VÍTOR ESPERA OK

O Iraklis, da Grécia, está muito interessado em Miguel Vítor, mas Jorge Jesus prefere que seja outro dos jogadores menos utilizados a deixar a Luz, abrindo vaga à inscrição do médio-defensivo Airton.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)