Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Benjamins da pré-época

Os adeptos de FC Porto, Sporting e Benfica vibram com a chegada de craques como Falcão, Matías Fernández ou Saviola. No entanto, se os nomes consagrados são sinónimo de sonhos com títulos, Nuno André Coelho, Roderick e Carlos Saleiro geram expectativa com os seus desempenhos de pré-época. As jovens promessas oriundas das ‘canteras’ de FC Porto, Benfica e Sporting, respectivamente, procuram um lugar ao sol nos plantéis.
18 de Julho de 2009 às 00:00
Os três jovens jogadores do Benfica, Sporting e FC Porto
Os três jovens jogadores do Benfica, Sporting e FC Porto FOTO: Fotomontagem

Com apenas 18 anos, o central encarnado tem sido indiscutível no onze de Jorge Jesus, fruto das ausências de Sidnei, David Luiz e Luisão. Mas a verdade é que o júnior tem superado os primeiros exames. Nada que surpreenda João Alves, seu treinador nos juniores do Benfica. “Já esperava a sua afirmação. Vejo-o na selecção nacional daqui a muito pouco tempo”, assegura ao Correio Sport o ‘Luvas Pretas’. “Uma das minhas funções é avaliar os jogadores ao longo da época, e as minhas avaliações foram comunicadas ao clube. Tem classe, leitura de jogo e é muito inteligente”, frisa.

O regresso aos juniores é um cenário provável mas João Alves saúda Jorge Jesus pela aposta em Roderick nesta pré--temporada. “É um técnico português, inteligente, e isso também é importante para o jogador se afirmar. É preciso ter coragem e sensibilidade”, acrescenta.

No Dragão, surge mais um nome na linha dos ‘históricos’ Fernando Couto, Jorge Costa ou Ricardo Carvalho. Após uma época de afirmação no E.Amadora, Nuno André Coelho, de 23 anos, garantiu o regresso à casa-mãe. Um regresso... ansiado. “Ele acredita bastante no seu potencial e quando veio para a Reboleira já tinha no horizonte voltar ao FC Porto”, diz Lázaro ao Correio Sport.

O ex-treinador dos tricolores elogia “a velocidade, o sentido posicional  e a técnica apurada” do central, mostrando-se confiante no seu sucesso nos portistas. “Pode substituir o BrunoAlves se ele sair, desde que seja apoiado e tenha oportunidades. E poderá mesmo atingir o nível de Ricardo Carvalho.”

Já Carlos Saleiro procura ultrapassaromediatismoenquanto primeiro bebé-proveta português para assumir-se como mais um talento precoce produzido no Sporting. “Tem uma boa capacidade de finalização, sabe movimentar-se e mostra que tem escola”, vinca ao Correio Sport Daúto Faquirá, que treinou o avançado na última época ao serviço do V. Setúbal.

Passaria ainda pela Académica, onde conseguiu maior destaque, mas o ex-técnico diz que ficar em Alvalade “já é muito interessante”: “Ele sabe que numa primeira fase será difícil jogar no Sporting, mas poderá ganhar minutos e evoluir.”

Hoje são grandes promessas. Em busca de serem as grandes certezas de amanhã.

PERFIS

RODERICK

Roderick Jefferson Gonçalves Miranda nasceu a 30 de Março de 1991 (18 anos), em Odivelas. Com 1,93m e 85 kg, o jovem com ascendência em São Tomé e Príncipe está a cumprir a sua primeira pré-temporada com a equipa sénior do Benfica. “Não pensei que tudo acontecesse tão rápido. É bastante bom para mim, mas é cedo para dizer que fico no plantel”, afirmou após o jogo com o Athletic Bilbao.

CARLOS SALEIRO

Carlos Miguel Mondim Saleiro nasceu a 25 de Fevereiro de 1986 (23 anos), em Lisboa. O primeiro bebé--proveta português cresceu nas camadas jovens do Sporting até se tornar um avançado possante – 1,86 m e 80 kg. O jogador esteve cedido pelos leões ao Olivais e Moscavide, Fátima, V. Setúbal e Académica, onde conseguiu mostrar as suas qualidades. Neste ano tem a sua oportunidade em Alvalade.

 

NUNO ANDRÉ COELHO 

Nuno André da Silva Coelho nasceu a 7 de Janeiro de 1986 (23 anos), em Penafiel. Com 1,92m e 83 kg, este jovem central cresceu na formação do clube da terra e no FC Porto, tendo sido cedido nas últimas épocas ao Maia, St.Liège, Portimonense e E. Amadora. Comparado a Ricardo Carvalho pelas qualidades técnicas, estilo e trajecto, aspira a ocupar o lugar que pode ficar vago com a saída de Bruno Alves.

SAIBA MAIS

 

ADRIEN E ORLANDO SÁ

 

O médio e o ponta-de-lança são os mais jovens dos plantéis do Sporting e FC Porto: 20 e 21 anos, respectivamente. Contudo, Adrien já fazia parte do plantel na última época, enquanto Orlando Sá chegou agora do Sp. Braga.

270 minutos que Roderick cumpriu nos três primeiros jogos do Benfica nesta pré-temporada, ou seja,  jogou sempre no onze de Jorge Jesus.  A seu lado teve o igualmente jovem Miguel _Vítor, de 20 anos.

DRAGÕES REFORÇAM-SE

Os tetracampeões são os campeões do mercado, ao reforçarem-se com dez jogadores, enquanto o Benfica só contratou cinco futebolistas. Já o Sporting conseguiu apenas o chileno Matías Fernández, vincando a sua aposta na formação.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)