Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Berlusconi abdica da presidência do Milan

O primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, renunciou à presidência do clube de futebol AC Milan, para cumprir as novas regras de conflitos de interesses inscritas numa lei aprovada em Julho último.
28 de Dezembro de 2004 às 21:01
Berlusconi era presidente do AC Milan desde 1986 e levou o clube à vitória na Liga dos Campeões em 2003. Era um presidente interventivo, que transmitia ordens à equipa técnica das bancadas, ou mesmo de sua casa, pelo telefone, enquanto assistia aos jogos pela televisão.
Esta saída era esparada, ao abrigo de uma lei que foi propositadamente criada para resolver os conflitos de interesse entre o poder político e o poder empresarial de Berlusconi. Um jornal italiano havia dito que Berlusconi iria passar a presidência do AC Milan para o seu filho Piersilvio, mas o clube anunciou que o lugar vai, por enquanto, permanecer desocupado....
O AC Milan, campeão italiano em título, é segundo classificado no campeonato italiano de futebol da série A, a quatro pontos do líder Juventus. E continua em prova na actual edição da Liga dos Campeões.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)