Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Bicampeão paralímpico de ténis em cadeira de rodas condenado por assédio a menor

Tenista acusado de fazer proposta sexual a rapariga de 15 anos.
Lusa 5 de Dezembro de 2022 às 19:08
Bicampeão paralímpico de ténis em cadeira de rodas condenado por assédio a menor
Bicampeão paralímpico de ténis em cadeira de rodas condenado por assédio a menor
O francês Nicolas Peifer, bicampeão paralímpico de ténis em cadeira de rodas, foi esta segunda-feira condenado a seis meses de prisão com pena suspensa, por assedio sexual a uma menor de 15 anos.

O tenista, que foi inicialmente acusado de ter "uma proposta de cariz sexual, através de meio eletrónico, a uma menor de 15 anos", viu a acusação ser revista para assédio sexual, a pedido do Ministério Público, durante o julgamento, que decorreu em Sarreguemine.

O advogado de Nicolas Peifer considerou que a reclassificação do crime "foi uma grave distorção da lei", e anunciou que o seu cliente vai recorrer da sentença.

Ao lado de Stéphane Houdet, Nicolas Peifer conquistou a medalha de ouro na prova de pares de ténis em cadeiras de rodas nos Jogos Rio2016 e Tóquio2020. 

Nicolas Peifer questões sociais deficientes
Ver comentários
C-Studio