Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Bis de Mateus resolve

Dois golos do médio brasileiro Mateus no arranque da segunda parte garantiram ontem uma justa vitória do Estrela da Amadora sobre o Leixões (2-0), num mau jogo de futebol entre as duas equipas com mais empates da Liga. Mais de três meses depois da primeira vitória, frente à Naval (3-1), a 26 de Agosto, os tricolores voltaram finalmente a vencer.
3 de Dezembro de 2007 às 00:00
Mateus foi a estrela do jogo, ao apontar dos dois golos que valerem os três pontos aos amadorenses
Mateus foi a estrela do jogo, ao apontar dos dois golos que valerem os três pontos aos amadorenses FOTO: Inácio Rosa, Lusa
Já o Leixões vê ser interrompida uma série positiva em que venceu o Sp. Braga e empatou com o Belenenses e Sporting.
Depois de uma primeira parte lastimável, a história do jogo ficou marcada pelo primeiro golo, num livre directo de Mateus (51’) que o guardião Beto ainda defendeu mas o árbitro auxiliar, bem colocado, considerou que a bola já passara a linha de baliza. Os visitantes ainda protestaram mas o árbitro Augusto Duarte acatou a indicação do assistente.
Apenas sete minutos volvidos, o Estrela acabou com a partida. Beto não conseguiu segurar um remate de Anselmo e, na recarga, Mateus bisou, apontando o seu quarto golo na Liga. O guarda-redes Beto podia ter feito melhor nos dois golos e fica ligado à derrota depois de ter brilhado na passada jornada no empate com o Sporting.
A primeira parte foi deprimente mas mesmo assim o Estrela esteve melhor e criou duas ocasiões de golo desperdiçadas por Anselmo (29’) e Yoni (42’), nos únicos lances dignos de registo. Depois o Estrela só teve de acelerar um pouco o jogo para resolver a partida em sete minutos.
Só depois de estar a perder por dois golos, Carlos Brito arriscou um pouco, com a entrada de Tales e criou algum perigo. Mas foi o Estrela que esbanjou a melhor oportunidade, num contra-ataque em que surgiram quatro jogadores contra Beto, com Anselmo a falhar de forma escandalosa. Augusto Duarte não complicou um jogo simples de dirigir.
FICHA DO JOGO
Local: Estádio José Gomes, na Reboleira 1.000 espectadores)
Árbitro: Augusto Duarte (Braga)
ESTRELA DA AMADORA: Nélson, Rui Duarte, Maurício, Wagnão, Hélder Cabral, Fernando, Tiago Gomes, Mateus, Ndiaye (Marco Paulo, 79m), Anselmo (Moreno, 89m), Yoni (Pedro Pereira, 46m). Treinador: Daúto Faquirá.
LEIXÕES: Beto, Ezequias, Elvis, Filipe Oliveira (Nuno Diogo, 50m), Joel, Pedro Cervantes (Tales, 62m), Jorge Duarte (Nwoko, 46m), Bruno China, Jorge Gonçalves, Hugo Morais e Roberto. Treinador: Carlos Brito.
Marcador: 1-0, Mateus (51m); 2-0, Mateus (58m)
Acção disciplinar: Cartões amarelos - Filipe Oliveira (14m), Rui Duarte (40m)
Melhor jogador: Mateus
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)