Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

BLACKOUT POR SOLIDARIEDADE

A equipa técnica do FC Porto, futebolistas e elementos do departamento médico impuseram a si próprios o silêncio como medida de solidariedade para com os jogadores Jorge Costa e Costinha, enquanto se mantiver o castigo disciplinar na sequência da ‘agressão’ ao benfiquista Simão Sabrosa, que castigou com dois jogos de suspensão e uma multa de 3500 euros o capitão Jorge Costa, enquanto o médio defensivo Costinha foi punido com um jogo de castigo e 2500 euros de multa.
13 de Fevereiro de 2003 às 00:00
Ainda relativamente ao episódio da agressão, Maniche foi apenas multado em 500 euros.

Da reunião da Comissão Disciplinar da Liga também ficou o processo disciplinar ao técnico José Mourinho, por comentários proferidos após o último jogo entre o FC Porto e o Paços de Ferreira.

No entanto, foi o castigo disciplinar imposto aos jogadores Jorge Costa e Costinha que levou a que todo o grupo de trabalho do FC Porto optasse pelo silêncio como medida de solidariedade para com aqueles portistas e que se vai prolongar até bem perto do reencontro com o rival Benfica, só que desta vez no Estádio da Luz. Só voltam a falar quando Jorge Costa... jogar.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)