Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

BÖLÖNI COMPREENDE JARDEL ATÉ CERTO PONTO

O técnico do Sporting, Laszlo Bölöni comentou ontem o regresso de Mário Jardel ao Brasil, mostrando-se compreensivo com o problema pessoal que aflige o atleta brasileiro.
12 de Julho de 2002 às 23:00
“O Jardel tem um problema pessoal e eu devo compreender até certo ponto”, referiu Bölöni que não quis alongar-se muito mais sobre este assunto, acrescentando apenas: “Tenho um grande respeito pela situação que o jogador está a viver”.

Mário Jardel deslocou-se na tarde de quinta-feira ao Brasil com o objectivo de resolver questões pessoais. De acordo com Miguel Salema Garção, assessor da SAD leonina, “a viagem de Jardel teve a autorização da Sporting SAD e da direcção de futebol”, acrescentando que “por agora não é importante dizer quando regressa”.

Certo é que Jardel falha mais alguns dias de trabalho da pré-temporada programada por Bölöni.

O treinador do Sporting visitou ontem a gráfica que está a imprimir o seu livro, onde revela alguns apontamentos do seu já célebre “bloco de notas”. Durante a visita, Bölöni manifestou o desejo de que Jardel esteja na apresentação oficial do seu mais recente trabalho, a 17 de Julho, no Corte Inglés: “Acredito que Jardel vai fazer tudo para estar lá”, acrescentando: “Eu dou indicações, mas não posso obrigar ninguém”.

Entretanto, o defesa central chileno, Pablo Contreras, recebeu ordens para negociar o seu ingresso no plantel do Sporting. O jogador acertou a sua saída do Celta de Vigo, por empréstimo, estando agora livre para representar o clube de Alvalade.

Ao que o Correio da Manhã apurou, o Sporting pagará, ao clube galego, cerca de 600 mil euros pelo empréstimo de um ano do jogador chileno.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)