Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Bruno de Carvalho com prémios iguais aos dos jogadores

Presidente e elementos da SAD têm direito a verbas pelas conquistas de títulos.
Mário Figueiredo 14 de Fevereiro de 2018 às 01:30
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho e os corpos sociais do clube deram explicações em Alvalade
Bruno de Carvalho e os corpos sociais do clube deram explicações em Alvalade
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho e os corpos sociais do clube deram explicações em Alvalade
Bruno de Carvalho e os corpos sociais do clube deram explicações em Alvalade
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho e os corpos sociais do clube deram explicações em Alvalade
Bruno de Carvalho e os corpos sociais do clube deram explicações em Alvalade
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho tem prémios iguais aos dos jogadores para cada uma das conquistas da equipa, apurou o Correio da Manhã.

O presidente do Sporting, apesar de ter um salário fixo (ganha 10 500 euros por mês), tem previsto receber prémios equivalentes aos dos jogadores. Esses bónus dependem das conquistas da equipa, sendo a conquista do título de campeão nacional de futebol o mais significativo.

Segundo o CM apurou, os prémios são extensíveis aos outros elementos da SAD e foram uma imposição do presidente leonino. Esta medida gerou algum mal-estar, mas acabou por ser aprovada.

Só na época passada (2016/17), Bruno de Carvalho amealhou, segundo as contas comunicadas à CMVM, 147 mil euros (10 500 euros vezes 14 meses), mas acabou por receber em jeito de bónus 35 751,43 euros. Um valor variável também pago aos outros membros da SAD leonina.

Isto numa temporada em que os leões ficaram em jejum de títulos, sendo o único feito a presença na fase de grupos da Liga dos Campeões. O líder leonino admite que é profissional e que "vive disto", mas na oposição já se fala que o presidente pretende um novo "aumento".

UEFA puxa orelhas a Bruno de Carvalho 
A UEFA advertiu Bruno de Carvalho por críticas aos árbitros dos jogos com Barcelona e Juventus, da Champions, pedindo "respeito pelo jogo,  integridade, diversidade, normas, árbitros, adversários e pelos adeptos", refere o organismo.

A resposta do líder leonino não demorou: "Lá nos encontraremos no banco em Astana e depois no Congresso The Future of Football, em que a UEFA já confirmou presença."

Mostrar a força do Leão  
Bruno de Carvalho voltou a recorrer ao Facebook para fazer um apelo à militância dos adeptos leoninos: "Vamos, Sporting CP! Mostrar a força do Leão, do verdadeiro Rei da Selva, em Astana [amanhã] e na assembleia geral de dia 17 [sábado]! Eu acredito em vocês!"

Espadinha ameaçado 
Vítor Espadinha, ator e adepto do Sporting, não vai estar presente na assembleia geral de sábado.

"Não vou, porque se for, matam-me", disse ao CM, explicando: "Tenho recebido ameaças à minha integridade física. Há um anormal doente que quer aprovar a lei da rolha."
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)