Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Canarinhos cantam de galo no Algarve

Nem a garra do Olhanense serviu para parar um Estoril que podia ter marcado mais golos.
29 de Setembro de 2013 às 01:00

O Estoril continua a mostrar o bom momento de forma em que se encontra no campeonato e derrotou o Olhanense, no Algarve, por 2-1. Um resultado que pecou por pouco devido às oportunidades desperdiçadas pelos canarinhos e a garra dos locais apenas chegou para fazer uma pequena mossa na vitória.

Ainda os jogadores estavam a conhecer os cantos ao relvado já os homens de Marco Silva faturavam por João Pedro Galvão, aos 4’. Eficácia extrema na primeira vez que visaram a baliza de Ricardo, que só não foi violada novamente aos 15’ porque Luís Leal permitiu a defesa do guardião algarvio. O Olhanense arregaçou as mangas, pressionou e mostrou finalmente os dentes aos 22’, com um golo repleto de oportunismo de Dionisi, que aproveitou uma desatenção da defesa do Estoril.

No segundo tempo, as oportunidades de golo escassearam, mas o jogo agitou com o golo de Ruben Fernandes aos 63’. Antes do apito final ainda houve tempo para Balboa desperdiçar um golo: permitiu a defesa de Ricardo quando seguia isolado.

Estoril Olhanense Algarve
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)