Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Carlos Costa ameaça deixar clube

Carlos Costa ameaçou ontem deixar de ajudar o V. Setúbal caso seja aprovada na assembleia geral de hoje a revogação do Plano de Pormenor do Bonfim. Em causa está o projecto do novo estádio, no Vale da Rosa, e a entrega dos terrenos do clube à empresa Pluripar para a construção de um hotel e de um centro comercial.

3 de Abril de 2009 às 00:30
Costa almoçou com o plantel
Costa almoçou com o plantel FOTO: A-gosto.com

"Se isso acontecer, essas pessoas ficarão na história como os coveiros do clube e a minha missão de tentar ajudar o Vitória", disse Costa, que ontem almoçou com o plantel num hotel de Setúbal.

Ao que o CM apurou, os jogadores, que não recebem salários há quatro meses, foram ao almoço na expectativa de ouvir boas notícias em relação à situação financeira do clube, mas saíram apenas com um pedido para continuarem a ser bons profissionais.

O técnico Carlos Cardoso chegou a discutir com Joaquim Evangelista quando o líder do Sindicato de Jogadores disse que os salários poderiam ser pagos no dia 5 de Maio. Cardoso considerou que tal desestabilizava a equipa, que no domingo defronta o Sp. Braga.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)