Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

CASO JOÃO PINTO: FIFA PROMETE DECIDIR O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL

O responsável pela comunicação da Federação Internacional de Futebol (FIFA), Keith Cooper, voltou a garantir hoje que a decisão sobre a alegada agressão de João Pinto ao árbitro argentino Angel Sanchez, durante o jogo Coreia do Sul-Portugal, será tomada “o mais depressa possível”, mas “sem pressas, até porque Portugal já não está em prova”.
19 de Junho de 2002 às 15:17
O jogador está suspenso provisoriamente
O jogador está suspenso provisoriamente
Escusando-se a avançar prazos, Keith Cooper reforçou que a suspensão provisória aplicada pela FIFA ao jogador português abrange toda a actividade futebolística, incluindo a representação do seu clube, adiantando que os relatórios já apresentados e depoimentos entretanto ouvidos permitem confirmar que existiu efectivamente um contacto físico entre João Pinto e o árbitro.

A decisão de suspender o jogador foi tomada, terça-feira, pelo presidente do Comité Disciplinar (CD) da FIFA, Marcel Mathier, de acordo com os regulamentos disciplinares daquele organismo, que estabelecem que se uma infracção parece ter sido cometida e uma decisão sobre a matéria não pode ser tomada com brevidade, o presidente do CD pode avançar com uma sanção, não sendo obrigado a ouvir ambas as partes, baseando-se nas evidências, entretanto, disponíveis.

As evidências sobre a alegada agressão do jogador português ao árbitro argentino, que foi ouvido esta terça-feira por Marcel Mathier, são os relatórios do próprio Angel Sanchez, que alega ter sido atingido com um murro no estômago, do delegado ao jogo da FIFA e do observador do árbitro, além dos depoimentos já ouvidos.

A FIFA dispõe ainda de imagens captadas por uma câmara instalada junto à bandeirola de canto, que mostram os protestos dos jogadores portugueses e a acção de João Pinto junto do árbitro, na altura em que lhe foi mostrado o cartão vermelho. Segundo Keith Cooper, estas imagens não serão divulgadas ao público antes da conclusão do processo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)