Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Cobiçado: Ramires pode sair

O futuro de Ramires no Benfica está comprometido devido ao assédio que tem havido em torno dos representantes do jogador.
22 de Maio de 2010 às 00:00
Ramires
Ramires FOTO: João Trindade/Record

Ao que o Correio Sport apurou, o grupo de empresários liderado pelo brasileiro Giuliano Bertolucci, que inclui ainda Pini Zahavi e Kia Joorabchian, responsáveis pela colocação do internacional canarinho na Luz, pretende fazer valer o acordo alcançado no Verão de 2009. Nessa altura ficou definido que o Benfica seria um trampolim para Ramires, a fim de facilitar a adaptação ao futebol europeu, e que no final da temporada voltaria a haver conversações caso houvesse uma proposta na ordem dos 15 milhões de euros. Como já chegou ao grupo de empresários uma proposta dentro dos valores estipulados, o Benfica tem consciência da dificuldade em manter o atleta, peça fundamental do título alcançado há duas semanas.

Ramires, aliás, está  na agenda de alguns dos maiores clubes europeus, que ponderam avançar para a sua contratação ainda antes do Mundial da África do Sul. Um desses emblemas é o Inter de Milão, de José Mourinho, que vai proceder a uma autêntica revolução no plantel para a próxima época, a começar pelo próprio treinador, que estará de saída para o Real Madrid. O médio é um jogador do agrado do técnico português, que tentou contratá-lo em Dezembro de 2009. Sem êxito na altura, o que levou os ‘nerazzurri’ a avançar por McDonald Mariga.

Há seis meses, o pentacampeão italiano ofereceu 20 milhões de euros mais Ricardo Quaresma. A relutância dos encarnados em vender antes do final da época, agravada com a indecisão do futebolista em abraçar novo desafio em Portugal, fez o negócio ser abortado praticamente à nascença.

Além do Inter, também Juventus (Itália) e o Manchester City (Inglaterra) estão na corrida. O clube de Turim por estar apostado em renovar o sector intermediário, depois de uma temporada para esquecer – terminou o campeonato na 7ª posição, fora dos lugares de acesso à Liga dos Campeões –, enquanto os ingleses beneficiam da proximidade com o empresário israelita radicado naquele país, Pini Zahavi.

Ramires tem contrato com o Benfica até ao mês de Junho de 2013 e uma cláusula de rescisão de 30 milhões de euros, de que os encarnados poderão ser obrigados a abrir mão, negociando o atleta por uma verba inferior.

MÉDIO CUSTOU 7,5 MILHÕES €

Ramires nasceu a 24 de Março  de 1987 na Barra do Piraí, Brasil.

Formado nas camadas jovens do Joinville, seguiu para o Cruzeiro, onde em apenas dois anos aguçou o apetite de vários clubes europeus. O Benfica antecipou-se e pagou 7,5 milhões de euros.

Ver comentários