Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

COROADO DESAFIA GUILHERME

Luís Guilherme, presidente do Conselho de Arbitragem da Liga (CA) acusou Jorge Coroado, ex-árbitro internacional, que hoje desempenha funções de observador e comentador, de falsificação de relatórios. As afirmações foram feitas durante uma entrevista à SportTV e motivaram mesmo a intervenção telefónica de Coroado.
24 de Novembro de 2004 às 00:00
O ex-árbitro admitiu ter assinado erradamente dois relatórios enquanto observador, mas garantiu desconhecer o “facto relevante” mencionado por Luís Guilherme que terá alegadamente omitido.
“Assumi o meu erro publicamente, porque a verdade não me dói. Quanto ao facto relevante, espero e faço votos que Luís Guilherme enquanto dirigente que preza defender que o bom nome dos dirigentes deve ser preservado, não se refugie atrás das suas palavras, qual sniper, e clarifique as suas afirmações”, afiançou Jorge Coroado ao CM.
O ex-juiz, que afirmou no último domingo que o actual quadro de árbitros é o pior dos últimos 20 anos, assegura que não mudou de opinião: “Mantenho o que disse. Infelizmente, a capacidade de Luís Guilherme em interpretar as declarações deixam a desejar. Nunca fiz juízos de valor sobre as pessoas, apenas falei de questões técnicas”.
Coroado não se ficou por aqui e teceu duras críticas ao presidente do CA da Liga. “O discurso de Luís Guilherme parece saído de uma cassete do tempo do PREC. E quando ele foge às frases feitas pelo seu mentor espiritual, fica com dificuldades para navegar em terreno pantanoso”, afirmou o ex-árbitro prometendo identificar o “mentor espiritual”, caso Luís Guilherme não apresente algumas explicações..
“CHEGAMOS AO LIMITE”
Luís Guilherme não quer voltar a falar deste assunto e afirmou ao CM que só voltará a falar quando Jorge Coroado “extravasar” das suas funções de comentador.
“Se continuarem os ataque à arbitragem por parte de Jorge Coroado, ele terá a resposta na devida medida. Estamos fartos destes ataques. Chegamos ao limite”, disse o presidente do CA.
Ver comentários