Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Criança teve de devolver calções

O presidente do Cagliari, Massimo Cellino, obrigou um apanha-bolas do clube a devolver os calções que lhe tinham sido oferecidos por um jogador do Nápoles, na partida que as duas equipas efectuaram, na 2ª feira, para a Liga italiana.
30 de Novembro de 2012 às 01:00
Líder do Cagliari obrigou criança a devolver calções
Líder do Cagliari obrigou criança a devolver calções

A criança ainda argumentou que teria sido Hamsik, autor do golo da vitória do Nápoles, a oferecer os calções. Segundo os media italianos, os apanha-bolas do Cagliari estão impedidos de pedir seja o que for aos jogadores adversários. Além disso, Cellino terá mesmo dito à criança que não voltará a jogar pelas camadas jovens do clube, apesar de lhe ter sido dito que foi Hamsik que lhe deu os calções de mote próprio.

ITÁLIA JOGO FUTEBOL MIÚDO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)