Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

“Demito-me se ele perder”

Alex Ferguson coloca o seu futuro como treinador do Man. United nas mãos da FIFA. O organismo que rege o futebol mundial vai entregar o prémio de Melhor Jogador de 2008 no dia 12 de Janeiro, em Zurique (Suíça) – Cristiano Ronaldo é tido como um dos favoritos – e o técnico espera a consagração do português. "Se ele perder a Bola de Ouro demito-me", disse Alex Ferguson após o empate (0-0) com o Villarreal para a Liga dos Campeões.
27 de Novembro de 2008 às 00:30
No Verão, Alex Ferguson já tinha ameaçado que saía do Manchester United caso Ronaldo deixasse o clube
No Verão, Alex Ferguson já tinha ameaçado que saía do Manchester United caso Ronaldo deixasse o clube FOTO: Phil Noble / Reuters

Não é a primeira vez que o escocês associa o seu futuro ao do extremo. No Verão, aquando da novela da transferência de Ronaldo para o Real, sir Alex ameaçou com a demissão a família Glazer, proprietária do clube, caso o internacional deixasse Inglaterra.

Mais do que apoiar a vitória de Cristiano Ronaldo na eleição para o prémio de Melhor Jogador do Mundo, Alex Ferguson saiu em defesa do talento do extremo e exigiu mais protecção: "As faltas sobre o Ronaldo estão a tornar-se sistemáticas. É uma táctica. Alguém o derruba, depois é outro jogador a fazê-lo. O árbitro pensa que ele está a mergulhar, o público protesta e isso transforma-se num problema."

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)