Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Derrota afasta-os do título

José Couceiro abordou ontem, em conferência de Imprensa, o encontro de amanhã (21h15, Sport TV) frente ao Sporting, a contar para a 18.ª jornada da Liga, a primeira da segunda volta. O treinador do Belenenses está confiante e lembra que os ‘leões’ têm muito a perder no Restelo.
13 de Janeiro de 2006 às 00:00
José Couceiro
José Couceiro FOTO: Vítor Chi, Record
“O Belenenses tem um historial diferente do Vizela, apesar do respeito que nos merece o clube. Não é um jogo de Taça, mas de campeonato. É uma boa altura para defrontar o Sporting. O Belenenses está com problemas, mas o Sporting também tem bastantes, porque tem a ambição de ser campeão. Uma derrota no Restelo afasta-os do título e as dificuldades vão aumentar. É uma final para as duas equipas, um jogo difícil para as duas equipas”, afirmou o técnico do Restelo.
O terceiro melhor marcador da Liga, Meyong, é a grande baixa da equipa de Belém para o jogo de amanhã. O avançado vai representar a selecção dos Camarões na CAN de 2006. “Uma equipa não se faz de um jogador ou de onze. É um jogador importante, até pela percentagem que tem nos golos da equipa. Mas já sabíamos desde o início da época que provavelmente não teríamos o Meyong nesta altura por causa da CAN. Estamos preparados. Jogámos com ele frente ao Gil Vicente e fizemos um péssimo jogo. Não o temos agora. Paciência!”, concluiu o treinador do Belenenses, que ocupa o 14.º lugar da Liga. Dady. de 24 anos, ex-Estoril, foi ontem apresentado e já integrou as duas sessões de treino. O avançado cabo-verdiano manifestou o desejo de “se possível, jogar já sábado frente ao Sporting”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)