Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Di María diz que árbitros "às vezes não falham por engano"

O futebolista argentino Angel Di María disse nesta segunda-feira que os árbitros que têm apitado o Real Madrid "às vezes não falham por engano". "Expulsam-nos por qualquer parvoíce. Houve jogos em que podiam ter mostrado cartão vermelho aos adversários e não aconteceu nada", disse o extremo contratado pelos merengues ao Benfica.
14 de Janeiro de 2013 às 18:20
Extremo argentino contestou critérios dos árbitros na Liga Espanhola
Extremo argentino contestou critérios dos árbitros na Liga Espanhola FOTO: EPA

Referindo-se à expulsão de Kaká no empate com o Osasuna, Di María questionou o primeiro amarelo visto pelo médio brasileiro no sábado e disse que o segundo foi um caso de "má sorte" e de oportunismo do adversário.

Quanto ao seu fraco rendimento nesta época, que levou José Mourinho a retirar-lhe a titularidade, o argentino disse que se está a sentir bem e que trabalha "para estar sempre a 100 por cento".

Sobre o atraso do Real Madrid em relação ao Barcelona - que passou para 18 pontos após a última jornada -, Di María admitiu que a Liga Espanhola está "completamente difícil", pelo que a equipa se deve concentrar na Liga dos Campeões e na Taça do Rei.

Em jogo a contar para essa última competição, o Real Madrid vai receber o Valencia no Santiago Bernabéu na noite de terça-feira. "É uma eliminatória muito complicada, na qual um mau resultado em casa nos pode deixar fora", referiu, elogiando o adversário, que se encontra na sétima posição da Liga, a sete pontos dos merengues.

Di María está convocado para esse jogo, tal como os portugueses Ricardo Carvalho, Fábio Coentrão e Cristiano Ronaldo (que muita falta fez ao Real Madrid contra o Osassuna).

Na lista de Mourinho também estão os guarda-redes Casillas e Adán, restando a dúvida de saber se o treinador português irá entregar a baliza ao capitão dos merengues.

Ver comentários