Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Dias da Cunha defende regeneração

Dias da Cunha exortou ontem a Liga a tomar medidas para que não voltem a acontecer situações como as que motivaram a polémica sobre a transferência do jogo Estoril-Benfica para o Algarve.
28 de Abril de 2005 às 00:00
Dias da Cunha, presidente do Sporting
Dias da Cunha, presidente do Sporting FOTO: d.r.
“Tem de haver uma regeneração no futebol” defendeu, pois o que aconteceu no passado fim-de-semana “coloca em causa a verdade desportiva”.
Dias da Cunha não tem dúvidas que existe uma “comunhão de interesses entre quem eventualmente continua a dirigir a SAD do Estoril e quem dirige o Benfica. Não se pode estar com um pé num lado e um pé no outro”.
O líder ‘leonino’, que garantiu haver sintonia entre as suas posições e Luís Filipe Vieira, criticou ainda os castigos que considerou excessivos a Sá Pinto e Rui Jorge. Reiterou ainda a ideia de que o Sporting é a melhor equipa do campeonato e que a equipa foi eliminada da Taça de Portugal “devido a erros de arbitragem.”
Ver comentários