Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Dinheiro esperado hoje

A SAD do V. Setúbal comunicou aos jogadores que os pagamentos dos vencimentos seriam efectuados hoje.
21 de Outubro de 2005 às 00:00
Depois de mais de dois meses de penúria, os atletas deverão ver boa parte – mês e meio dos montantes em dívida – das suas situações regularizadas. Recorde-se que hoje era também o prazo-limite dado pelos jogadores na terça-feira, após reunião com o Sindicato.
Mas, enquanto os salários não chegam, a ajuda dos sócios não pára. Ontem chegou ao Bonfim uma ajuda muito curiosa. José Lázaro Nolasco, 84 anos, endossou, junto com uma carta, um cheque no valor de 500 euros para ajudar os vitorianos a recuperarem do momento difícil que atravessam. O octogenário, de São Mamede, Lisboa, justificou o envio da ajuda da seguinte forma: “Em memória do meu pai que foi professor na Escola Técnica e no Liceu, em Setúbal”. Além do mais o simpatizante vitoriano referiu que “é preciso não esquecer que depois da cantora lírica Luísa Todi e do poeta Bocage, a terceira figura lendária de Setúbal é o Vitória, que muito nome tem dado à cidade, tanto em Portugal como no estrangeiro”.
Ver comentários