Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Djaló: “Não sei se vou para o Benfica”

Yannick Djaló admitiu esta segunda-feira "várias possibilidades", incluindo o Benfica, para prosseguir a carreira, enquanto o sindicato de jogadores reiterou que os direitos económicos pertencem ao atleta.
30 de Janeiro de 2012 às 19:46
Djaló admite "várias possibilidades" e nega ter já assinado com Benfica
Djaló admite 'várias possibilidades' e nega ter já assinado com Benfica FOTO: Bruno Colaço

"Há várias possibilidades, não só o Benfica. Não sei se vou para o Benfica ou não", disse o avançado, em conferência de imprensa, quando confrontado com notícias que o davam como certo no plantel dos encarnados.

O presidente do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF), Joaquim Evangelista, defendeu que "os direitos económicos pertencem na totalidade ao jogador porque não há direitos federativos por parte de qualquer clube", após descrever a cronologia dos acontecimentos desde a transferência falhada para o Nice, em agosto.

Evangelista explicou que, após o episódio do atraso no processo de registo da inscrição do jogador em França, "por negligência do Nice", o Sporting acordou "a revogação do contrato, em Setembro", e o clube gaulês nada fez perante a "rescisão de contrato interposta por Yannick".

"A obrigação do sindicato é ajudar a esclarecer a verdade e não sugerir opções desportivas", concluiu Evangelista.

Antes, os responsáveis do Sporting emitiram um comunicado afirmando que todas as providências seriam tomadas "no sentido de acautelar e proteger os direitos" do clube de Alvalade.

djaló benfica clubes jogador mercado joaquim evangelista sindicato sporting
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)