Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Domingos insatisfeito quer reforços

Domingos Paciência não está satisfeito com a resposta dada pela equipa leonina nos primeiros jogos da época e pretende ver o plantel reforçado com, pelo menos, mais um avançado (goleador).
23 de Agosto de 2011 às 00:30
SPORTING, DOMINGOS PACIÊNCIA, GOLEADOR, LEÕES, LIGA
SPORTING, DOMINGOS PACIÊNCIA, GOLEADOR, LEÕES, LIGA FOTO: Tiago Petinga/Lusa

Segundo o CM apurou, o técnico ficou muito desagradado com o rendimento colectivo, e de alguns jogadores em particular, nas duas últimas partidas (0-0 com o Nordsjaelland e com o Beira-Mar) e terá exigido ao plantel mais atitude competitiva já na partida de quinta-feira, da 2ª mão do play-off da Liga Europa (21h15, Sport TV1), frente à equipa dinamarquesa.

As substituições de Yannick e Matías, no decorrer da primeira parte (36’) do desafio com os aveirenses, foram também uma mensagem do treinador para o balneário, dando a entender que não há lugares cativos na equipa.

Outro sinal de inconformismo, é o facto de Domingos não ter dado descanso ao plantel, que treinou ontem de manhã, à porta fechada, na Academia. O mesmo aconteceu na semana passada, após o empate com o Nordsjaelland, na Dinamarca: a comitiva leonina chegou a Lisboa às 05h00 e às 11h00 já o treinador dava uma palestra em Alcochete.

Tendo em conta a fraca produção ofensiva da equipa – apenas um golo nos 3 jogos oficiais já disputados –, a prioridade passa pela aquisição de um ponta-de-lança goleador, apesar de já esta época terem sido contratados Van Wolfswinkel (5,4 milhões de euros), Rubio (1 milhão) e Bojinov (2,6 milhões). A SAD leonina, sabe o CM, está a trabalhar nesse sentido, mas a tarefa não é fácil, visto que o orçamento disponível para transferências está praticamente esgotado. Caso chegue outro avançado, os responsáveis leoninos estão dispostos a deixar sair Hélder Postiga (ver peça ao lado).

O lado esquerdo da defesa é outra das lacunas identificadas pela estrutura leonina. Evaldo tem tido um rendimento aquém do esperado e o jovem Turan, de 19 anos, não tem ainda argumentos para ser titular.

DIVERGÊNCIAS ENTRE DUQUE E GODINHO LOPES

As divergências entre Luís Duque e o presidente Godinho Lopes começam a ser evidentes. A primeira discordância entre o homem-forte do futebol e o líder do clube leonino foi o ataque à arbitragem. Luís Duque afirmou que não iria comentar as actuações dos homens do apito. Godinho Lopes arrasou com a equipa de arbitragem que dirigiu o Sporting-Olhanense (1-1). Agora é a necessidade de reforçar a equipa após este arranque preocupante (dois empates). Duque quer reforços, Godinho não abre a bolsa.

DISCURSO DIRECTO

"BEM SERVIDO DE AVANÇADOS": Jorge Cadete, Ex-avançado do Sporting

Correio da Manhã – O Sporting precisa de mais um ponta--de-lança?

Jorge Cadete – Parece-me que o Sporting está bem servido de avançados. O que é preciso é dar confiança aos jogadores que já lá estão. É uma posição muito ingrata.

– Não faz falta um jogador de área, mais posicional?

– A finalização trabalha-se. Um jogador mais móvel também pode marcar muitos golos. É uma questão de trabalho e de rotinas.

– Como explica o mau arranque de época do Sporting?

– Está a formar-se uma equipa nova e é natural que ainda falte algum entrosamento.

YANNICK E POSTIGA TRANSFERÍVEIS

Yannick Djaló e Hélder Postiga estão na lista de transferíveis do Sporting. O extremo foi aposta de Domingos Paciência nos primeiros três jogos oficiais da época, mas frente ao Beira-Mar acabou por ser substituído ainda na primeira parte.

Segundo o CM apurou, o rendimento do jogador de 25 anos tem ficado aquém das expectativas do técnico leonino e com Capel, Jeffrén, Carrillo e Bojinov na luta por um lugar na equipa a titularidade de Yannick pode estar ameaçada. Além disso, o número 20 não aceitou a proposta de renovação que lhe foi apresentada pelo Sporting (termina contrato em 2013) por considerá-la demasiado baixa (aufere cerca de 350 mil euros/ano e o Sporting oferece-lhe cerca de 450 mil), facto que impediu a SAD leonina de o colocar no fundo de investimento ‘Sporting Portugal Fund’., no qual os jogadores têm de ter, pelo menos, mais três anos de contrato.

A situação de Postiga é diferente. O avançado de 29 anos termina contrato no final desta época, é um dos mais bem pagos do plantel (1 milhão de euros/ano) e, embora Domingos aprecie as suas qualidades, não tem mostrado veia goleadora. Se surgir uma proposta razoável tem a porta aberta para sair.

SPORTING DOMINGOS PACIÊNCIA GOLEADOR LEÕES LIGA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)