Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

DRAGÃO REPETE RECEITA NO DERBY DA INVICTA

É hoje o ‘derby’ da Invicta, entre o líder da SuperLiga, FC Porto, e o Boavista, actual 11.º classificado. Frente aos vizinhos do Bessa, a equipa comandada por José Mourinho irá repetir a mesma receita utilizada na jornada anterior, quando derrotou o Belenenses, no Restelo.
25 de Janeiro de 2003 às 00:00
Para o confronto de hoje – Estádio da Antas, pelas 18h00, com transmissão televisiva na Sport TV –, o treinador do FC Porto chamou os mesmos 19 jogadores que na semana passada exorcizaram o fantasma de Belém. Na convocatória de José Mourinho também está incluído o central Ricardo Carvalho, apesar de apenas ter treinado com o plantel na manhã de ontem, depois de ter participado pela selecção B no Torneio Internacional do Vale do Tejo.

Frente ao Boavista, o técnico ‘azul e branco’ deverá repetir o mesmo onze que no Restelo garantiu a décima vitória consecutiva na SuperLiga: Vítor Baía, Paulo Ferreira, Jorge Costa, Pedro Emanuel, Nuno Valente, Deco, Costinha, Maniche, Capucho, Derlei e Hélder Postiga.

Como alternativa, o treinador dos dragões ainda poderá recorrer a Nuno, Ricardo Carvalho, Mário Silva, Alenitchev, Marco Ferreira, César Peixoto, Clayton e Jankauskas.

O Estádio das Antas espera registar casa cheia. Ao todo são esperadas cerca de 35 mil pessoas, faltando vender apenas cerca de 10 mil bilhetes, tanto mais que estão reunidas as condições para um bom espectáculo. Apesar da transmissão televisiva, o estado do tempo tem estado favorável e a hora de início da partida é outro ponto a favor para uma boa enchente no Estádio das Antas.

BOAVISTA SEM AVANÇADOS

Luiz Cláudio não recuperou para o 'derby' com o FC Porto, fazendo com que o Boavista não possa contar com nenhum ponta-de-lança, pois o 'pistoleiro' Silva também está castigado. Perante tantas contrariedades, numa equipa que também regista as lesões de Sanchez, Frechaut e Jorge Silva, o técnico Jaime Pacheco chamou o estreante Filipe Anunciação.
Para este embate nas Antas, o técnico já deixou entender que vai recorrer aos seus velozes extremos para tentar surpreender um adversário difícil. O dianteiro Martelinho sugere que o FC Porto "vai entrar com tudo, porque o campeonato é o objectivo principal".

"Precisamos de estar preparados, porque vai ser um jogo muito complicado. Um jogo daqueles que dão gosto", explicou. "Temos as nossas armas e o nosso potencial que está a subir de forma. Basta ver pelas palavras do Costinha, por exemplo, o respeito que demonstrou para connosco".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)