Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Eficácia insular arrasa com estudantes

O regresso de Manuel Machado à Madeira foi infeliz, já que a sua Académica foi incapaz de deter um Nacional determinado e muito eficaz em termos ofensivos, visto que traduziu em golos os lances perto da baliza adversária.
5 de Março de 2007 às 00:00
O brasileiro Cássio apontou dois golos à sua conta
O brasileiro Cássio apontou dois golos à sua conta FOTO: d.r.
Na primeira metade, apesar do melhor início por parte dos estudantes, os madeirenses souberam aproveitar a única ocasião de golo por intermédio de Chainho, que aproveitou um desentendimento por parte dos centrais contrários para dar outra tranquilidade. Ou seja, mesmo tendo conseguido criar oito pontapés de canto, os estudantes foram para o intervalo em desvantagem.
Na etapa complementar, os insulares foram ainda mais incisivos. O golo de Cássio, logo após o reinício, foi preponderante para o restante embate, já que proporcionou a tranquilidade necessária.
O brasileiro ainda viria a bisar antes do final do encontro, isto após o seu compatriota Diego ter feito o terceiro golo dos alvi-negros.
FICHA DO JOGO
Local: Estádio Engenheiro Rui Alves, no Funchal (2.000 espectadores)
Árbitro: Rui Costa (Porto)
NACIONAL: Diego Benaglio, Patacas, Ávalos, Ricardo Fernandes, Bruno Basto, Chaínho (Pateiro, 85m), Bruno Amaro, Bruno (Leandro do Bomfim, 63m), Juliano Spadacio, Cássio e Chilikov (Diego, 58m). Treinador: Carlos Brito.
ACADÉMICA: Pedro Roma, Paulo Sérgio, Danilo, Kaká, Lino, Alexandre, Roberto Brum (Gelson, 56m), Dame, Filipe Teixeira, Cláudio Pitbull (Miguel Pedro, 55m) e Gyano (Nuno Piloto, 80m). Treinador: Manuel Machado.
Marcador: 1-0, Chaínho (30m); 2-0, Cássio (47m); 3-0, Diego (83m); 4-0, Cássio (88m)
Acção disciplinar: cartões amarelos - Bruno Basto (15m), Roberto Brum (24m), Danilo (39m) e Gyano (64m)
Melhor jogador: Cássio
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)