Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

“FC Porto está no meu sangue”

"O FC Porto está no meu sangue e, sim, ainda tenho muito para dar ao clube." Esta é uma das frases que pode ler-se no comunicado emitido ontem por Vítor Baía, no qual assegura que as críticas que fez aos dragões numa escola do Porto, na 5ª-feira, foram "incrivelmente descontextualizadas".
23 de Outubro de 2010 às 00:30
Vítor Baía elogia Pinto da Costa
Vítor Baía elogia Pinto da Costa FOTO: João Miguel Rodrigues

Na Escola Nicolau Nasoni, disse: "Se aquilo que consegui no FC Porto fosse no Benfica ou no Sporting, acredito que teria outra repercussão, outra dimensão. Vejo, e muito bem, o Benfica a homenagear os seus campeões da Europa, quase 50 anos depois, com vitalidade e de uma forma muito positiva."

No comunicado, frisou que a sua carreira "teria outra projecção se tivesse jogado num dos clubes da capital, porque esses clubes gozam de um tratamento bem diferente do que merece o FC Porto". Já em relação ao facto de ter dito que o FC Porto é um clube fechado, esclareceu que apenas se referiu "à expansão da marca, departamento pelo qual era responsável". "[...] As conquistas internacionais poderiam ter sido potenciadas de outra forma. Em relação à política desportiva conduzida pelo presidente [Pinto da Costa], sempre a defendi. E os resultados assim o comprovam", vincou.

Vítor Baía FC Porto Pinto da Costa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)