Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

FC Porto SAD com prejuízo recorde de 116 milhões

SAD dos "dragões" justifica os resultados com o impacto da pandemia e a não presença na Liga dos Campeões.
Jornal de Negócios 28 de Outubro de 2020 às 18:20
A FC Porto SAD fechou a época 2019/2020 com prejuízos recorde de 115,94 milhões de euros, valor que compara com os lucros de 9,47 milhões de euros no exercício anterior, informou esta quarta-feira a sociedade anónima desportiva (SAD) dos "dragões" em comunicado à CMVM.

Os proveitos operacionais excluindo transferências de jogadores caíram para menos de metade, cifrando-se em 87,3 milhões de euros. As maiores quebras registaram-se nas receitas referentes às competições europeias, que passaram de 81 para 10 milhões de euros, e em direitos televisivos, com menos 6,4 milhões de euros, e bilheteira, com menos 3,3 milhões.

Os custos operacionais, por seu turno, encolheram em 11,7 milhões de euros, sendo os custos com pessoal a rubrica que mais contribuiu para esta descida, com uma diminuição de 8,7 milhões de euros.

O passivo aumentou em 43,75 milhões, ascendendo a 451,85 milhões de euros. Assim, os capitais próprios atingiram os 151,2 milhões de euros negativos, muito acima dos 34,8 milhões do ano anterior.
CMVM FC Porto SAD SAD economia negócios e finanças desporto futebol
Ver comentários