Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Godinho Lopes faz apelo a Oceano

O presidente do Sporting, Godinho Lopes, deseja que Oceano Cruz, o treinador interino da equipa de futebol, que neste domingo defronta o FC Porto, às 20h45, "coloque as pessoas certas nos lugares certos".
7 de Outubro de 2012 às 15:22
"O Oceano foi convidado como elemento que faz parte da casa e era aquele que entendemos que estava em melhores condições de poder hoje defender a imagem do Sporting no 'Dragão'", disse Godinho Lopes
'O Oceano foi convidado como elemento que faz parte da casa e era aquele que entendemos que estava em melhores condições de poder hoje defender a imagem do Sporting no 'Dragão'', disse Godinho Lopes FOTO: Rui Minderico

Instado sobre o que é que exige a Oceano, que na sexta-feira substituiu Ricardo Sá Pinto no comando técnico dos "leões", depois do desaire "europeu" da véspera diante do Videoton (derrota por 3-0 na Hungria), Godinho Lopes começou por dizer que não é "cínico nem hipócrita".

"O Oceano foi convidado como elemento que faz parte da casa e era aquele que entendemos que estava em melhores condições de poder hoje defender a imagem do Sporting no 'Dragão'. O que exijo é o de sempre: espírito de trabalho, dedicação e capacidade de colocar as pessoas certas nos lugares certos", disse.

O dirigente falava no início de um almoço em Braga, que juntou cerca de 300 adeptos "leoninos", e disse estar "confiante" para o jogo do Estádio do Dragão, da sexta jornada da I Liga.

"[Apesar dos dias conturbados] Estou sempre confiante. Quando vim para o Sporting foi para ganhar. Não tenho conseguido atingir esses objetivos, mas a minha vantagem é que olho sempre para a frente. Acredito na equipa e na vontade de dar a volta e quando olho para este sportinguismo em Braga sai redobrada não só a vontade, mas também o acreditar", afirmou.

Godinho Lopes apelou ainda à união dos adeptos em torno da equipa e à entrega dos jogadores em campo.

"O importante é que as pessoas se juntem e sintam o que é ser Sporting e isso é entregar tudo em campo e acreditar que podemos, em conjunto, dar a volta", frisou.


O dirigente escusou-se a dar alguma novidade sobre o novo treinador a contratar e não revelou se Ricardo Sá Pinto já deu uma resposta ao convite do Sporting para continuar ligado à estrutura do futebol "leonino".

"A preocupação hoje é ganhar e olhar para o futuro, os comunicados dizem tudo. Ouço as críticas diárias, mas quem não toma decisões não é criticado. Estou habituado a tomar decisões na vida, a olhar para o dia seguinte e a procurar soluções para dar alma e força aos sportinguistas. Se gostaria que ele continuasse? Estou muito mais preocupado com o Sporting, ele está acima de nós", disse.

Ainda antes do "clássico" com o FC Porto, no Estádio do Dragão (20:45), Godinho Lopes vai visitar a delegação do Solar do Norte, naquela cidade, onde conviverá com sócios e adeptos sportinguistas.

No encontro da "Cidade dos Arcebispos" participaram sportinguistas dos núcleos de Braga, Póvoa do Lanhoso, Fafe, Vila das Aves, Santo Tirso e Valença, tendo ainda marcado presença os atletas olímpicos do Sporting Emanuel Silva e João Pina.

sporting scp godinho lopes oceano clássico fcp porto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)