Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Golo invalidado revolta sadinos

O V. Setúbal e a Académica empataram ontem a um golo no jogo inaugural da jornada 14. Na partida, que ficou marcada por um golo mal anulado aos sadinos, os marcadores foram Marinho, para os estudantes, e Jorge Gonçalves, para os anfitriões.
7 de Janeiro de 2012 às 01:00
Neca em duelo com Adrien
Neca em duelo com Adrien FOTO: Luís Forra/lusa

A primeira parte ficou marcada pelo golo invalidado ao avançado sadino Rafael Lopes, por pretensa falta sobre Cédric, logo no minuto inaugural da partida. Apesar de os anfitriões terem estado melhor no início, os estudantes equilibraram as operações e dispuseram das melhores ocasiões para desfazer o nulo. Adrien (25' e 26'), Diogo Valente (29') e Fábio Luís (30') estiveram perto do golo. Aos vitorianos, que nunca se coibiram de visar a baliza contrária, valeu o desacerto do rival na finalização.

Após o intervalo, aos 49', os forasteiros chegaram ao golo por Marinho. O avançado aproveitou a apatia da defesa para bater Diego, que foi traído por um desvio do colega Anderson. Aos 60', após assistência do recém-entrado Pitbull, os sadinos empataram por Jorge Gonçalves, que aproveitou uma falha de Nivaldo para fazer o 1-1.

Ver comentários