Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

“Há muitos clubes que não regularizam salários”

O presidente do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF), Joaquim Evangelista, pediu este sábado exigência e responsabilidade aos dirigentes do futebol português, para que se acabe com os incumprimentos salariais e se estanque a exclusiva aposta em jogadores estrangeiros.
21 de Maio de 2011 às 16:58
Joaquim Evangelista pede maior aposta nos jogadores nacionais
Joaquim Evangelista pede maior aposta nos jogadores nacionais FOTO: Marta Vitorino

À margem da Assembleia-Geral extraordinária da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), que oficializou a adequação dos estatutos ao Regime Jurídico das Federações Desportivas (RJFD), Joaquim Evangelista mostrou-se agradado com o final da "novela", mas alertou para os "verdadeiros problemas do futebol português".  

"A partir de agora o futebol português tem de se concentrar naquilo que é importante, em discutir os problemas que verdadeiramente afectam o futebol. Mais importante do que os actos é avaliar as omissões dos responsáveis do futebol português", frisou.  

O presidente do SJPF lamentou a forma como não se está a fiscalizar a situação dos clubes, nomeadamente no que diz respeito aos pressupostos financeiros. "Há muitos clubes que continuam sem regularizar a questão salarial. Exige-se aos dirigentes que resolvam este problema, exige-se à Liga que analise esses pressupostos, em função daquilo que é a realidade do futebol português", salientou.  

O líder sindicalista referiu que a actual situação do futebol nacional "contrasta com o sucesso que foi a final europeia", já que existe uma "falência do futebol no seu todo".  

"Os problemas reais são estruturais e quanto mais cedo arrepiarmos caminho, melhor. Não podemos continuar a apostar nos jogadores estrangeiros e a afectar a massa salarial nas contratações. É preciso apostar na formação, nos jovens portugueses", concluiu.

joaquim evangelista futebol salários jogadores clubes
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)