Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Inter marca passo em casa

O Inter de José Mourinho cedeu ontem um empate caseiro frente ao Cagliari (1-1), em jogo antecipado da 18ª jornada da Série A italiana. Com Luís Figo no onze inicial e Quaresma no banco de suplentes, o Inter fez um jogo fraco e poderia mesmo ter acontecido aquela que seria a primeira derrota caseira de Mourinho na liga italiana.
11 de Janeiro de 2009 às 00:30
Canini domina a situação perante a pressão do sueco Ibrahimovic
Canini domina a situação perante a pressão do sueco Ibrahimovic FOTO: Alessandro Garofalo/Reuters

A primeira parte foi pobre e jogada em baixo ritmo. Figo, com passes de rotura, foi dos mais inconformados. Para abrir a frente de ataque, Mourinho apostou em Quaresma após o descanso. O ex-portista entrou bem, agitou, o Inter cresceu, mas sofreu um golo em contra-golpe, por Acquafresca. Caso para falar de um balde de Acquafresca.

A reacção do técnico português foi pronta. Fez entrar Mancini e Crespo para os lugares de Figo e Samuel. Opção de risco, pois o Inter ficou sem centrais de raiz (Córdoba saiu ao intervalo). Mas a equipa não assimilou as mudanças e ficou perdida. O Cagliari teve várias excelentes ocasiões para marcar e provocar um pequeno escândalo, mas deitou-as fora.

O empate que acabou por valer um ponto ao Inter surgiu aos 76’ após uma boa jogada de Crespo, concluída por Ibrahimovic.

Hoje, Mourinho viaja para Inglaterra onde irá assistir ao jogo Manchester United-Chelsea, da Premier League, e observar a equipa de Cristiano Ronaldo, tendo em vista o duelo nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, em Fevereiro e Março.

BECKHAM COMEÇA JOGO NO BANCO

A estreia de David Beckham na Série A italiana poderá acontecer hoje em Roma, onde o AC Milan (clube onde joga por empréstimo do LA Galaxy) actua a partir das 19h30, hora portuguesa.

Beckham não participa em jogos oficiais desde Outubro, mas Carlo Ancelotti, técnico da formação rossoneri, acredita que a longa ausência não se fará notar no rendimento do jogador: "Ele está preparado para jogar mesmo que estivesse lesionado há dois meses." Uma prova de confiança que, ainda assim, não garante a titularidade ao ‘Spice Boy’. "É difícil dar-lhe um lugar no onze inicial este domingo", reconheceu Ancelotti.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)