Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Já saíram nove e entraram trinta

José Antonio Camacho, treinador do Benfica, em vésperas da deslocação ao Restelo, refugia-se na ironia para abordar o tema da remodelação do plantel, em Janeiro
15 de Dezembro de 2007 às 00:00
– Como antevê o jogo com o Belenenses?
José Antonio Camacho – Vai ser muito difícil. O Belenenses é uma equipa que trabalha bem e nós temos de jogar com esse pensamento desde o primeiro ao último minuto. Não queremos ser surpreendidos.
– De onde vem o maior perigo?
– Os nossos adversários fazem da motivação a arma mais perigosa. Quem joga contra o Benfica fá-lo de forma diferente de outras ocasiões.
– Que se pode esperar do Benfica?
– Uma equipa com intensidade e com sentido de jogo. Quando isso acontece, somos muito perigosos. Mas se adormecermos em campo, podemos ter problemas. Por isso, há que ter uma mentalidade ganhadora desde o primeiro minuto e não ficar a olhar, a ver o que acontece.
– Maxi Pereira e Cristian Rodriguez vão jogar de início?
– Vão jogar onze. O que importa é a forma como se joga e de que forma se podem mudar as coisas durante os 90 minutos.
– Cardozo e Nuno Gomes juntos?
– Onze.
– Cardozo será titular?
– Pode ser ou não. Podemos jogar com um avançado, às vezes dois, tudo depende. Para mim um avançado é quem está a fazer golos. Pode até ser um central.
– Pela lógica, joga Cardozo?
– Vai jogar um. Não disse quem.
– Que jogadores vão ser dispensados e contratados?
– Esta semana já saíram nove e entraram 30... Para já, o que está claro é que não vão entrar tantos jogadores como se diz, 21 ou 22. O mais importante é que um futebolista esteja a jogar e que tenha gosto em fazê-lo. Já fui futebolista e sei isso. Já falei com os jogadores e o meu gabinete está sempre aberto para podermos falar. Iremos fazer o que for melhor para eles e para o Benfica. Respeito muito os contratos dos jogadores.
– O avançado argentino César Delgado está certo?
– Ainda não o vi por aqui... Só trabalho com os jogadores que tenho no balneário.
– É um jogador interessante?
– Interessantes são os que tenho comigo. Os outros não sei. É mau falar do interesse em jogadores, isso complica tudo.
– Confirma os empréstimos de Yu Dabao, Romeu Ribeiro e Miguel Vítor [D. Aves]?
– Nada está decidido.
JESUS JOGA PARA GANHAR
“Não sei o que é jogar para empatar. Já tentei entender, mas nunca consegui”, disse ontem o técnico do Belenenses Jorge Jesus, no lançamento do jogo contra o Benfica. O treinador dos azuis do Restelo garante uma equipa a lutar pela vitória, mas reconhece que o adversário “é favorito, pois tem objectivos diferentes”.
Jesus lamentou o facto de não poder contar com Hugo Alcântara e Cândido Costa, ambos habituais titulares que estão lesionados. “Assim não vamos poder jogar na máxima força. Mas vamos tentar manter a invencibilidade dos últimos jogos.”
APONTAMENTOS
100 POR CENTO
"Nada a assinalar”, diz o comuniado médico do Benfica de ontem. Uma situação que possibilita a Camacho ter o plantel fisicamente a 100 por cento. A única baixa do treino de ontem foi Yu Dabao: está na selecção da China.
RODRIGUEZ
Cristian Rodriguez está de volta à competição, após ter recuperado totalmente da lesão contraída no jogo contra o FC Porto. O internacional uruguaio deve ser titular hoje no Restelo, num jogo com início às 19h30.
CONVOCADOS
Guarda-redes: Butt e Quim; Defesas: Léo, Luisão, Luís Filipe, Nelson e David Luiz;
Médios: Katsouranis, Bynia, Maxi, Rui Costa, Adu, Petit, Cristian Rodriguez, Nuno Assis e Di Maria; Avançados: Nuno Gomes e Cardozo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)