Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Jesualdo: "Golos poderiam disfarçar momento menos bom" (COM VÍDEO)

Uma questão de último toque. Jesualdo Ferreira admitiu a fase menos feliz do FC Porto - perdeu os dois últimos encontros, frente a Marítimo e Chelsea -, mas acredita que os maus resultados vão desaparecer no futuro próximo.
28 de Novembro de 2009 às 16:08
Jesualdo diz que "outros dias virão"
Jesualdo diz que 'outros dias virão' FOTO: Lusa

"Precisamos de um pouco mais de jeito no último toque. Todas as equipas têm um momento de lesões, outro de uma série de jogos menos bons. Outros dias virão. As bolas que batem na trave vão entrar, as bolas de recarga virão um metro mais para a frente e permitirão o golo. Não estão a surgir os golos que poderiam disfarçar o momento menos bom que estamos a atravessar", analisou o técnico dos dragões, em conferência de imprensa este sábado.
 
Na temporada transacta, por esta altura, o FC Porto tinha o mesmo número de pontos, mas menos golos marcados e mais sofridos. Um dado positivo que não chega para aliviar o professor. "O ano passado também não estávamos em primeiro, mas isso não nos dá alento nenhum. O que temos de fazer é jogar melhor e ganhar partidas para no final conseguirmos o título", afirmou Jesualdo.
 
O próximo adversário (este domingo, 20h15, RTP1) chama-se Rio Ave, uma das principais sensações da Liga - está no 6.º lugar - e uma equipa a quem Jesualdo lança o desafio de jogar olhos nos olhos com os tetracampeões: "Não acredito que venham ao Dragão jogar como a maioria das equipas, ou seja, fechados lá atrás. Tendo em conta os jogadores que tem, ficaria desiludido se assim o fizessem."
 
"Esperamos fazer um jogo melhor do que fizemos com o Chelsea e melhor em relação aos melhores momentos desse jogo", rematou o treinador. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)