Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Jorge Costa espera inverter fase menos boa

O Sporting de Braga recebe esta noite no Estádio AXA os suecos do Hammarby e a equipa de Jorge Costa está obrigada a inverter a desvantagem de 2-1 trazida da Suécia para garantir a presença na fase de grupos da Taça UEFA.
4 de Outubro de 2007 às 00:00
Jorge Costa (à esq.): 'Jogadores não têm medo da pressão'
Jorge Costa (à esq.): 'Jogadores não têm medo da pressão' FOTO: Hugo Delgado/Wapa
Uma tarefa teoricamente acessível, mesmo tendo em conta que os arsenalistas já não vencem há cinco jogos: “Estou consciente de que deveríamos estar muito melhor do que estamos”, reconheceu o treinador, acreditando que tem equipa para dar um pontapé na crise.
“Felizmente tenho jogadores que não têm medo da pressão e estão conscientes de que batemos no fundo. Já não temos margem de erro”, observou Jorge Costa, que parte para o jogo desta noite disposto a inverter o rendimento menos bom denotado nos últimos tempos: “Temos o jogo com o Hammarby para começar a dar a volta a esta fase má.”
O técnico arsenalista apela ao apoio dos adeptos para ultrapassar os suecos: “Estamos a perder por 2-1 ao intervalo, mas vamos jogar em casa e, por isso, estamos confiantes em dar a volta ao resultado e passar à fase de grupos”, explicou Jorge Costa, que frente ao Hammarby não pode contar com os lesionados João Pinto, Paulo Santos, Rodriguez, Lenny e Baylon.
Na lista de convocados para o jogo da segunda mão da Taça UEFA há a registar os regressos de João Tomás e Castanheira. O Sp. de Braga realizou ontem de manhã o último ensaio e seguiu para estágio.
Ver comentários