Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Jorge Jesus segura Fábio Coentrão

Liverpool e outros interessados só levam o jogador se pagarem 30 milhões de euros.
12 de Janeiro de 2011 às 00:30
Jorge Jesus conta com o lateral Fábio Coentrão para o resto da temporada
Jorge Jesus conta com o lateral Fábio Coentrão para o resto da temporada FOTO: Miguel Barreira/Record

O Benfica não aceita transferir Fábio Coentrão antes do final da época, a menos que algum clube ponha em cima da mesa 30 milhões de euros, valor da cláusula de rescisão que consta no contrato do jogador.

A saída de Fábio Coentrão, um dos jogadores do plantel mais cobiçados por clubes estrangeiros, chegou a ser equacionada numa altura em que os objectivos da época pareciam totalmente comprometidos. Contudo, os dois pontos recuperados ao FC Porto, que viu diminuir de dez para oito pontos a vantagem sobre os encarnados na classificação, e a nítida subida de forma da equipa fizeram Luís Filipe Vieira mudar de ideias. A fé no título e na conquista da Taça de Portugal e Taça da Liga, provas em que as águias mantêm aspirações, desaconselham a venda dos principais activos do plantel.

Em Inglaterra, o novo treinador do Liverpool, Kenny Dalglish, colocou Fábio Coentrão no topo das prioridades e sonha fazer do benfiquista a sua primeira contratação no mercado de Inverno.

Além do internacional português, também Óscar Cardozo entra nas contas do Tottenham, que procura um substituto de Robbie Keane. O CM sabe que a saída do paraguaio seria mais fácil neste momento do que a de Coentrão, mas só uma proposta irrecusável levaria a SAD a negociar o máximo goleador da equipa antes do final da época. Cardozo tem a cláusula mais alta do plantel: 50 milhões de euros. E, a menos que saia alguém, Fernández ‘fechou’ o plantel.

"GUERRA ENTRE DAVID E GOLIAS"

"É uma guerra entre David e Golias. Diz a história que só a cota de malha de bronze que usava Golias pesava o mesmo que David e, extrapolando isto para a dimensão económico-financeira do Benfica, dos seus jogadores e do plantel, sabemos que existe uma diferença abismal entre as duas equipas", disse ontem Daúto Faquirá, na antevisão do jogo de hoje com o Benfica no Estádio da Luz.

Para o técnico do Olhanense, "este tipo de jogos motiva e dá tranquilidade". "Vamos encarar este jogo de peito aberto", destacou.

Para o encontro de hoje, chamou os 22 jogadores disponíveis. Desta forma, o técnico dos algarvios deixou de fora os lesionados Moretto e Delson e os chilenos Suárez e Carvajal, ainda sem certificado internacional, chamando todos os atletas, incluindo Carlos Fernandes. O lateral-esquerdo não está disponível para o jogo com as águias, mas viaja com a comitiva algarvia para Lisboa.

BENFICA JORGE JESUS FÁBIO COENTRÃO LIVERPOOL
Ver comentários