Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Liedson é o leão mais indisciplinado da época

O Sporting vai avançar formalmente com a queixa à Comissão Disciplinar (CD), com base nos alegados erros cometidos pela equipa de arbitragem no jogo com a U. Leiria. Os leões têm como principal foco de protesto a expulsão de Liedson, que, curiosamente, é o jogador mais indisciplinado da equipa esta época.
6 de Março de 2007 às 00:00
Liedson é o leão mais indisciplinado da época
Liedson é o leão mais indisciplinado da época FOTO: D.R.
O ‘Levezinho’ soma, até à 20.ª jornada, quatro amarelos e um vermelho. No segundo e terceiro lugar dos leões mais indisciplinados surgem dois centrais, Polga e Tonel, respectivamente. O brasileiro conta com quatro amarelos e um vermelho (por acumulação de cartolinas amarelas) e o seu companheiro com cinco amarelos.
Liedson, que ontem regressou aos treinos com os companheiros, arrisca agora um ou dois jogos de suspensão. Caso se confirme o castigo maior, o brasileiro ficará de fora das opções de Paulo Bento para o encontro com o FC Porto, no Dragão.
Refira-se que até ao momento os jogadores do Sporting já viram 49 cartões amarelos e quatro vermelhos. Estes números deixam o clube na antepenúltima posição das equipas mais indisciplinadas da Liga.
PROTESTO NA QUINTA-FEIRA
O protesto do Sporting vai chegar à CD na quinta-feira (data limite para ser apresentado), com base nos alegados erros cometidos pela equipa de arbitragem no jogo do passado domingo. O CM sabe que os leões apenas aguardam que chegue à Liga o relatório de Paulo Costa – o que deverá suceder amanhã – para analisar os argumentos do juiz e fundamentar o seu protesto.
Com esta queixa, os responsáveis leoninos pretendem repetir o encontro – que terminou empatado a zero e deixou o clube mais longe da corrida pelo título – e também expressar a revolta do clube face aos acontecimentos que, segundo o Sporting, fundamentam o protesto.
O caso está entregue ao departamento jurídico do emblema de Alvalade, que, além da expulsão de Liedson e de um erro técnico na reposição da bola, deverá ainda reclamar uma alegada cotovelada de Harrison a Tonel, um penálti sobre o ‘Levezinho’ (na jogada que ditou a sua expulsão) e várias situações de fora-de-jogo mal interpretadas.
As repetições de encontros por aplicação errada das Leis de Jogo não é habitual no campeonato nacional e muito menos no que aos grandes diz respeito. No entanto, se recuarmos à época 1994/95, encontramos a repetição de um Benfica-Sporting.
Na antiga Luz, decorria o minuto 80 e os leões venciam por 2-1. O árbitro, Jorge Coroado, expulsa o argentino Claudio Caniggia por razões pouco claras e, depois do protesto das águias, o jogo é repetido após o final da época. Mas a decisão acabaria por ser anulada e seria atribuída a vitória ao Sporting.
ÁRBITRO AUXILIAR "TRANQUILO"
João Santos, o assistente do árbitro Paulo Costa no encontro U. Leiria-Sporting que ditou a expulsão de Liedson, disse ontem estar “perfeitamente tranquilo” com a sua decisão. “Tive oportunidade de ver o jogo e estou perfeitamente tranquilo”, afirmou o árbitro auxiliar à RR. “Vi ontem [anteontem] à noite, quando cheguei a casa. Faz parte do meu princípio, no fim de cada jogo vê-lo para corrigir eventuais erros no jogo seguinte”, declarou João Santos, acrescentando que se sente “extremamente satisfeito” com o seu desempenho em Leiria. O árbitro auxiliar não se pronunciou sobre a expulsão do avançado por se tratar de um “assunto de relatório” e sobre a queixa do Sporting disse ser “um direito que assiste” ao clube.
Rossato, o jogador da U. Leiria que se envolveu com Liedson e que ditou a expulsão do leão, garantiu ontem que apenas viu o amarelo por protestar. “Reclamei com o árbitro porque pensei que ele não teria visto a agressão. Mas o auxiliar acabou por o chamar e, quando reentrei em campo, depois de ter sido assistido, ele dirigiu-se a mim e disse-me que me ia advertir por ter protestado demasiado”, contou Rossato ao MaisFutebol.
PERFIL
Liedson da Silva Muniz está a cumprir a sua quarta época com a camisola do Sporting. O avançado, de 29 anos, já marcou pelos leões 63 golos em 112 jogos. Com contrato até 2010, ‘Levezinho’ passou ainda como profissional pelo Corinthians, Flamengo e Coritiba. Liedson, um dos jogadores do Sporting mais acarinhados, estreou-se pelo emblema de Alvalade com o FC Porto, a 2 de Setembro de 2003.
DEFESA LEONINA
FALTA DE ROSSATO
Os responsáveis do Sporting defendem que o defesa brasileiro da U. Leiria, Rossato, fez falta sobre Liedson e, que, como tal, o avançado leonino nunca deveria ter sido expulso na sequência da jogada.
PENÁLTI
O árbitro expulsa Liedson e mostra o cartão amarelo a Rossato. Para os leões, se Paulo Costa considera ter existido falta do defesa – daí a amostragem da cartolina –, deveria ter marcado penálti.
REPOSIÇÃO DE BOLA
O Sporting afirma que houve erro do árbitro Paulo Costa na reposição da bola após a expulsão de Liedson. O jogo prosseguiu com a marcação de um pontapé de baliza e os leões alegam que deveria ter sido falta.
'LEVEZINHO' EM NÚMEROS
- 1 cartão vermelho, recebido no passado domingo com a U. Leiria, é o único visto pelo avançado até à 20.ª jornada.
- 4 é o número de cartões amarelos que Liedson já viu esta época. O brasileiro é, até agora, o leão mais indisciplinado.
- 21 amarelos. Este é o total de cartões vistos pelo avançado brasileiro nas três épocas e meia que tem de Sporting.
- 2 é o número de cartolinas vermelhas que ‘Levezinho’ recebeu na Liga desde que está no clube de Alvalade.
- 62 golos. Esta é a marca de Liedson com a camisola verde-e-branca, em três temporadas e meia.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)