Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Linhares leva três anos

Três anos de prisão, suspensa por cinco anos. Foi esta a condenação decidida pelo Tribunal de S. João Novo, no Porto, para José António Linhares, que lesou o erário público em pouco mais de dois milhões de euros– quantia que terá de desembolsar até 2013.
20 de Junho de 2008 às 00:30
Linhares ameaçou o advogado da Segurança Social com “justiça de Fafe”
Linhares ameaçou o advogado da Segurança Social com “justiça de Fafe” FOTO: José Rebelo

Linhares estava acusado dos crimes de abuso de confiança fiscal e dívidas à Segurança Social, delitos cometidos entre 2001 e 2003, enquanto presidente do Salgueiros. Contudo, o Tribunal considerou que o lesado é, em todo o caso, o erário  público pelo que condenou o antigo dirigente apenas pelo crime continuado de abuso de confiança fiscal.

As dívidas contraídas perfazem um total de 2031 milhões de euros, sendo que não foram provadas duas alegadas dívidas ao Fisco, respeitantes a Outubro de 2001 (92 mil euros) e a Setembro de 2003 (37 mil euros).

Já o Salgueiros foi punido com a multa de 600 dias à taxa diária de cinco euros, ou seja, terá de pagar três mil euros, sendo que, se o clube não tiver posses nem património para o fazer, a multa do emblema portuense também terá de ser liquidada por José António Linhares.

No final do julgamento, o antigo dirigente não calou a sua revolta. "Vou recorrer. A Justiça foi cega, surda e muda.Os dirigentes não estão obrigados a pagar as dívidas dos clubes. Isto é inconstitucional", disse Linhares, após ameaçar o representante da Segurança Social com "a justiça de Fafe".

CONDENAÇÕES

16 DE JUNHO DE 1997

Linhares foi condenado a pagar 1100 contos a um árbitro de Coimbra por difamação.

1 DE MARÇO DE 2006

O ex-presidente doSalgueiros levou nove meses de prisão, pena suspensa por dois anos, pelo crime continuado de abuso de confiança fiscal.

22 DE MARÇO 2006

Crime continuado de abuso de confiança contra a Segurança Social:12 meses de prisão, suspensa por cinco anos com condição de pagamento.

15 DE NOVEMBRO DE 2006

250 dias de multa à taxa diária de cinco euros por novo crime continuado de abuso fiscal.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)